Sexualidade de portadores do vírus da imunodeficiência humana em face à doença: revisão integrativa Reportar como inadecuado




Sexualidade de portadores do vírus da imunodeficiência humana em face à doença: revisão integrativa - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Ingrid Bezerra Portela ; Raphael Colares de Sá ; Mayenne Myrcea Quintino Pereira Valente ;Revista Brasileira em Promoção da Saúde 2014, 27 (4)

Autor: Maria Albertina Rocha Diógenes

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Brasileira em Promoção da Saúde ISSN: 1806-1222 rbps@unifor.br Universidade de Fortaleza Brasil Rocha Diógenes, Maria Albertina; Bezerra Portela, Ingrid; Colares de Sá, Raphael; Quintino Pereira Valente, Mayenne Myrcea SEXUALIDADE DE PORTADORES DO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA EM FACE À DOENÇA: REVISÃO INTEGRATIVA Revista Brasileira em Promoção da Saúde, vol.
27, núm.
4, octubre-diciembre, 2014, pp. 550-559 Universidade de Fortaleza Fortaleza-Ceará, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=40840410016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Diógenes MAR, Portela IB, Sá RC, Valente MMQP SEXUALIDADE DE PORTADORES DO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA EM FACE À DOENÇA: REVISÃO INTEGRATIVA Sexuality of carriers of the human immunodeficiency virus in view of the disease: Integrative Review Sexualidad de portadores del Virus de la Inmunodeficiencia Humana frente la enfermedad: Revisión Integrativa Artigo de Revisão RESUMO Objetivo: Analisar a sexualidade de portadores do vírus da imunodeficiência humana em face à doença.
Métodos: Trata-se de uma revisão integrativa, realizada de setembro a outubro de 2013, nas bases de dados eletrônicas SciELO, LILACS, SciELO, LILACS, MEDLINE- PubMed e Cochrane, no período de 2003 a 2013, através dos descritores “sexualidade and HIV” e sexuality and HIV”.
Resultados: A amostra foi composta por 14 artigos, os quais abordaram as problemáticas enfrentadas por portadores de HIV-AIDS na vivência de sua sexualidade.
As evidências mostram que há relevantes alterações nos padrões sexuais que levam os indivíduos a limitarem ou até eliminarem suas relações afetivo-sexuais.
O sentimento que corrobora para isso é o medo de...





Documentos relacionados