Ribeiro, o. (2011 1945), portugal, o mediterrâneo e o atlântico. estudo geográfico, letra livre, lisboa, 231 p., isbn 978-989-8268-10-5 Report as inadecuate




Ribeiro, o. (2011 1945), portugal, o mediterrâneo e o atlântico. estudo geográfico, letra livre, lisboa, 231 p., isbn 978-989-8268-10-5 - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Investigaciones Geográficas (Mx) 2013, (80)

Author: Daniel Paiva

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Investigaciones Geográficas (Mx) ISSN: 0188-4611 edito@igg.unam.mx Instituto de Geografía México Paiva, Daniel Ribeiro, O.
(2011 [1945]), Portugal, o Mediterrâneo e o Atlântico.
Estudo Geográfico, Letra Livre, Lisboa, 231 p., ISBN 978-989-8268-10-5 Investigaciones Geográficas (Mx), núm.
80, 2013, pp.
129-132 Instituto de Geografía Distrito Federal, México Disponible en: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=56926151010 Cómo citar el artículo Número completo Más información del artículo Página de la revista en redalyc.org Sistema de Información Científica Red de Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal Proyecto académico sin fines de lucro, desarrollado bajo la iniciativa de acceso abierto Ribeiro, O.
(2011 [1945]), Portugal, o Mediterrâneo e o Atlântico.
Estudo Geográfico, Letra Livre, Lisboa, 231 p., ISBN 978-989-8268-10-5 Orlando Ribeiro (Lisboa, 1911-Lisboa, 1997) foi provavelmente o geógrafo português com maior projecção internacional, autor de várias obras marcantes como A Ilha do Fogo e as suas Erupções (1954), Geografia e Civilização.
Temas Portugueses (1961), Mediterrâneo, Ambiente e Tradição (1968) ou do livro que aqui se trata: Portugal, o Mediterrâneo e o Atlântico (1ª.
ed.,1945, com várias reedições).
Organizador do primeiro Congresso da União Geográfica Internacional do pós-Guerra (Lisboa, 1949) e seu Vice-Presidente a partir de 1952, Ribeiro é também reconhecido por ter criado e organizado os Centros de Estudos Geográficos de Coimbra (1942-1943) e Lisboa (1943) e por ter sido co-fundador, em 1966 –em conjunto com Suzanne Daveau e Ilídio do Amaral–, da Finisterra: Revista Portuguesa de Geografia.1 A Finisterra: Revista Portuguesa de Geografia tem sido editada ininterruptamente até aos dias de hoje com uma periodicidade semestral, mantendo-se como uma revista de referência na sua área.
Nos primeiros anos, os conteúdos publicados estavam ainda muito marcados pela...





Related documents