Sustentabilidade em sistemas agroflorestais: indicadores socioeconômicos Reportar como inadecuado




Sustentabilidade em sistemas agroflorestais: indicadores socioeconômicos - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Laércio Couto ; Elias Silva ; Carlos Alberto Passos Moraes ; Ivo Jucksch ; Rasmo Garcia ;Ciência Florestal 2000, 10 (1)

Autor: Omar Daniel

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Ciência Florestal ISSN: 0103-9954 cf@ccr.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil Daniel, Omar; Couto, Laércio; Silva, Elias; Passos Moraes, Carlos Alberto; Jucksch, Ivo; Garcia, Rasmo Sustentabilidade em sistemas agroflorestais: indicadores socioeconômicos Ciência Florestal, vol.
10, núm.
1, 2000, pp.
159-175 Universidade Federal de Santa Maria Santa Maria, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=53400111 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Ciência Florestal, Santa Maria, v.10, n.1, p.159-175 ISSN 0103-9954 159 SUSTENTABILIDADE EM SISTEMAS AGROFLORESTAIS: INDICADORES SOCIOECONÔMICOS1 SUSTAINABILITY IN AGROFORESTRY SYSTEMS: SOCIO-ECONOMICAL INDICATORS Omar Daniel2 Laércio Couto3 Elias Silva3 Carlos Alberto Moraes Passos4 Ivo Jucksch5 Rasmo Garcia 6 RESUMO É ampla a discussão que envolve a importância do enquadramento das atividades de produção em geral, ao conceito de desenvolvimento sustentável.
Dentre as atividades agropecuárias, os sistemas agroflorestais (SAF) têm sido considerados como sustentáveis, apresentando-se como alternativas aos sistemas intensivos de produção.
Para monitorar a sustentabilidade de atividades agropecuárias em geral, incluindo os SAF, diferentes autores enfatizam os indicadores biofísicos, em detrimento dos socioeconômicos.
Com o objetivo de definir um rol de indicadores socioeconômicos adaptáveis aos diversos modelos de SAF, desenvolveu-se um estudo consolidado por recomendações de especialistas e ampla revisão de literatura.
Concluiu-se que: as categorias relacionadas com a operação dos sistemas comportaram o maior número de indicadores no componente socioeconômico, com maior concentração nas operações endógenas ao sis...





Documentos relacionados