Levantamento e flutuação populacional de coleópteros em vegetação do cerrado da baixada cuiabana, mt Reportar como inadecuado




Levantamento e flutuação populacional de coleópteros em vegetação do cerrado da baixada cuiabana, mt - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Otávio Peres Filho ;Ciência Florestal 2001, 11 (2)

Autor: Alberto Dorval

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Ciência Florestal ISSN: 0103-9954 cf@ccr.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil Dorval, Alberto; Peres Filho, Otávio Levantamento e flutuação populacional de coleópteros em vegetação do cerrado da baixada cuiabana, MT Ciência Florestal, vol.
11, núm.
2, 2001, pp.
171-182 Universidade Federal de Santa Maria Santa Maria, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=53411215 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Ciência Florestal, Santa Maria, v.
11, n.
2, p.
171-182 ISSN 0103-9954 171 LEVANTAMENTO E FLUTUAÇÃO POPULACIONAL DE COLEÓPTEROS EM VEGETAÇÃO DO CERRADO DA BAIXADA CUIABANA, MT SURVEY AND POPULACIONAL DINAMIC OF COLEOPTERONS IN VEGETATION OF THE SAVANNAH IN CUIABANA LOWERED, STATE OF MATO GROSSO, BRAZIL Alberto Dorval1 Otávio Peres Filho2 RESUMO Este trabalho tem por objetivo avaliar qualitativa e quantitativamente as espécies de coleópteros que ocorrem associados à vegetação de cerrado na baixada cuiabana.
Em uma área de preservação permanente, foram instaladas, a 1,5 m do nível do solo, seis armadilhas de impacto, modelo escolitídeo-Curitiba, iscadas com álcool.
Foram capturados 2.111 indivíduos, distribuídos em oito famílias, 24 gêneros e 37 espécies.
As espécies mais representativas foram: Hypothenemus obscurus (Fabricius), 1801; Cryptocarenus heveae (Hagedorni), 1912; Cryptocarenus diadematus Eggers, 1937; Cryptocarenus seriatus Eggers, 1933 e Hypothenemus eruditus Westwood, 1836. Ocorreram, dezenove espécies dominantes, cinco constantes, 21 acidentais e dezoito raras.
O índice de diversidade foi considerado alto (H’ = 0,77), mostrando um ambiente, ainda, ecologicamente equilibrado. Palavras-chave: Coleoptera, dinâmica populacional, armadil...





Documentos relacionados