Oficina de orientação profissional: construindo estratégias de intervenção para feira de profissões Reportar como inadecuado




Oficina de orientação profissional: construindo estratégias de intervenção para feira de profissões - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Camila Galafassi ; Débora Audi ; Diego Isquerdo ; Maria da Conceição Uvaldo ; Milena Rindeika ; Omar Calazans ;Revista Brasileira de Orientação Profissional 2016, 17 1

Autor: Guilherme Fonçatti

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Brasileira de Orientação Profissional E-ISSN: 1984-7270 lucileal@ffclrp.usp.br Associação Brasileira de Orientação Profissional Brasil Fonçatti, Guilherme; Galafassi, Camila; Audi, Débora; Isquerdo, Diego; da Conceição Uvaldo, Maria; Rindeika, Milena; Calazans, Omar Oficina de Orientação Profissional: construindo estratégias de intervenção para feira de profissões Revista Brasileira de Orientação Profissional, vol.
17, núm.
1, enero-junio, 2016, pp.
103113 Associação Brasileira de Orientação Profissional São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=203049524011 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Revista Brasileira de Orientação Pro ssional jan.-jun.
2016, Vol.
17, No.
1, 103-113 Relato de Experiência Pro ssional Oficina de Orientação Profissional: construindo estratégias de intervenção para feira de profissões Guilherme Fonçatti1 Camila Galafassi Débora Audi Diego Isquerdo Maria da Conceição Uvaldo Milena Rindeika Omar Calazans Universidade de São Paulo, São Paulo-SP, Brasil Resumo Este artigo relata o processo de construção e avaliação de um dispositivo grupal de curta duração chamado o cina de orientação pro ssional para a Feira de Pro ssões da USP.
Foi realizada uma revisão bibliográ ca do conceito de o cina e, se discriminou as etapas de sua construção, a saber: elaboração de um diagnóstico; identi cação das demandas; levantamento dos objetivos; desenvolvimento das atividades; e avaliação dos resultados.
As o cinas foram realizadas com a participação de 3378 pessoas, em três dias de evento, em 2013.
A validade da o cina aparece pela avaliação positiva de 89,3% dos participantes.
Esta estratégia se mostrou e cie...





Documentos relacionados