Crescimento e acúmulo de nutrientes por plantas espontâneas e por leguminosas utilizadas para adubação verde Reportar como inadecuado




Crescimento e acúmulo de nutrientes por plantas espontâneas e por leguminosas utilizadas para adubação verde - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

I. JUCKSCH ; L. M. COSTA ; R. C. ALVARENGA ; J. C. L. NEVES ;Revista Brasileira de Ciência do Solo 2000, 24 1

Autor: C. FAVERO

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Brasileira de Ciência do Solo ISSN: 0100-0683 revista@sbcs.org.br Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Brasil FAVERO, C.; JUCKSCH, I.; COSTA, L.
M.; ALVARENGA, R.
C.; NEVES, J.
C.
L. CRESCIMENTO E ACÚMULO DE NUTRIENTES POR PLANTAS ESPONTÂNEAS E POR LEGUMINOSAS UTILIZADAS PARA ADUBAÇÃO VERDE Revista Brasileira de Ciência do Solo, vol.
24, núm.
1, 2000, pp.
171-177 Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Viçosa, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=180218272020 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto CRESCIMENTO E ACÚMULO DE NUTRIENTES POR PLANTAS ESPONTÂNEAS. 171 CRESCIMENTO E ACÚMULO DE NUTRIENTES POR PLANTAS ESPONTÂNEAS E POR LEGUMINOSAS UTILIZADAS PARA ADUBAÇÃO VERDE(1) C.
FAVERO(2), I.
JUCKSCH(3), L.
M.
COSTA(3), R.
C.
ALVARENGA(4) & J.
C.
L.
NEVES(3) RESUMO As espécies vegetais espontâneas, nas áreas de cultivo agrícola, têm sido tratadas como “plantas daninhas”, “ervas invasoras”, “inços” e outras denominações, do ponto de vista dos prejuízos que podem acarretar às espécies cultivadas.
No entanto, as espontâneas podem promover os mesmos efeitos de proteção do solo e ciclagem de nutrientes que espécies cultivadas ou introduzidas para adubação verde.
O crescimento e o acúmulo de nutrientes pela parte aérea de espontâneas e de leguminosas utilizadas como adubos verdes foram medidos em um experimento de campo em Sete Lagoas (MG), na Embrapa Milho e Sorgo. O experimento consistiu de cinco espécies de leguminosas (feijão-de-porco, feijãobravo do Ceará, mucuna-preta, lab-lab e guandu), submetidas a duas condições de manejo (com e sem capina), e uma testemunha (somente espontâneas).
No florescimento das leguminosas, foram obtidos...





Documentos relacionados