Avaliação do potencial erosivo das chuvas em urussanga, sc, no período de 1980 a 2012 Reportar como inadecuado




Avaliação do potencial erosivo das chuvas em urussanga, sc, no período de 1980 a 2012 - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Álvaro José Back ;Revista Brasileira de Ciência do Solo 2014, 38 3

Autor: Morgana Levati Valvassori

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Brasileira de Ciência do Solo ISSN: 0100-0683 revista@sbcs.org.br Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Brasil Levati Valvassori, Morgana; Back, Álvaro José AVALIAÇÃO DO POTENCIAL EROSIVO DAS CHUVAS EM URUSSANGA, SC, NO PERÍODO DE 1980 A 2012 Revista Brasileira de Ciência do Solo, vol.
38, núm.
3, 2014, pp.
1011-1019 Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Viçosa, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=180231349027 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto AVALIAÇÃO DO POTENCIAL EROSIVO DAS CHUVAS EM URUSSANGA, SC, NO PERÍODO DE. 1011 Nota AVALIAÇÃO DO POTENCIAL EROSIVO DAS CHUVAS EM URUSSANGA, SC, NO PERÍODO DE 1980 A 2012(1) Morgana Levati Valvassori(2) & Álvaro José Back(3) RESUMO O conhecimento do potencial erosivo das chuvas e a sua distribuição ao longo do ano contribuem para o planejamento de práticas de manejo e a conservação do solo, que visam a redução da erosão hídrica, diminuindo as perdas de solo e aumentando a produção agrícola.
Este trabalho teve como objetivo caracterizar as chuvas da região de Urussanga, SC, com relação ao potencial erosivo, determinando os Índices de Erosividade mensais e anuais (EI30) e estabelecendo assim o fator “R” para utilização na Equação Universal de Perdas de Solo, período de retorno e probabilidade de ocorrência das chuvas erosivas, a partir dos dados de chuva de diagramas diários do pluviógrafo da Estação Meteorológica de Urussanga, de outubro de 1980 a março de 2012.
As chuvas foram digitalizadas em segmentos com intensidade constante.
Foi elaborado um programa computacional para a leitura dos dados digitalizados, identificação das chuvas erosivas e realização dos cálculos de erosivi...





Documentos relacionados