Representações sobre o uso de álcool por mulheres em tratamento em um centro de referência da cidade de são paulo - brasil Reportar como inadecuado




Representações sobre o uso de álcool por mulheres em tratamento em um centro de referência da cidade de são paulo - brasil - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Jéssica Gallante Reis ;InterfaceComunicação, Saúde, Educação 2010, 14 34

Autor: Edemilson Antunes de Campos

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Interface - Comunicação, Saúde, Educação ISSN: 1414-3283 intface@fmb.unesp.br Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho Brasil Campos, Edemilson Antunes de; Reis, Jéssica Gallante Representações sobre o uso de álcool por mulheres em tratamento em um centro de referência da cidade de São Paulo - Brasil Interface - Comunicação, Saúde, Educação, vol.
14, núm.
34, julio-septiembre, 2010, pp.
539-550 Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=180115835016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Representações sobre o uso de álcool por mulheres em tratamento em um centro de referência da cidade de São Paulo – Brasil* Edemilson Antunes de Campos1 Jéssica Gallante Reis2 CAMPOS, E.A.; REIS, J.G.
Representations on the use of alcohol among women undergoing treatment at a reference center in the city of São Paulo, Brazil.
Interface Comunic., Saude, Educ., v.14, n.34, p.539-50, jul.-set.
2010. The objective of this study was to understand the representations and meanings elaborated regarding the use of alcohol among women undergoing treatment at the Reference Center for Alcohol, Tobacco and Other Drugs (CRATOD), located in the city of São Paulo, Brazil.
For this, semi-structured interviews were conducted with women who were making what was considered abusive use of alcohol.
For these women, their representations on the use of alcohol were linked to their family, professional and gender relationships, which defined the conceptual ways of classifying alcohol use, either as socially accepted or as abusive. Through this route, a system of accusations came into action, involving the particular values of the so...





Documentos relacionados