De la oralidad a la poesia senegalesa actual Reportar como inadecuado




De la oralidad a la poesia senegalesa actual - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Revista Brasileira do Caribe 2006, VII 13

Autor: El Hadji Amadou N-Doye

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Brasileira do Caribe ISSN: 1518-6784 revista_brasileira_caribe@hotmail.com Universidade Federal de Goiás Brasil Amadou NDoye, El Hadji De la Oralidad a la Poesia Senegalesa Actual Revista Brasileira do Caribe, vol.
VII, núm.
13, julio-diciembre, 2006, pp.
11-21 Universidade Federal de Goiás Goiânia, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=159113678002 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto De la Oralidad a la Poesia Senegalesa Actual El Hadji Amadou N’Doye Resumo A literatura africana moderna, a literatura de expressão francesa, inglesa e portuguesa tem se preocupado muito pouco da literatura africana em alfabeto árabe. Amiúde se tem esquecido que as sociedades sahelianas acederam à literatura a partir do século VIII por intermédio do árabe.
Em um contexto de intercâmbio cultural, não fundado em fenômenos como a dominação e a aculturação, a sociedade africana pedia emprestado o que precisava para renovar sua cultura.
Assim nascem as literaturas em uolof e pulaar, em alfabeto árabe.
A produção de um Senghor não supera em qualidade nem em quantidade a de poetas uolofes do principio do século XX como Musa Ka, Mame Samba Diarra etc.
A produção destes autores apenas as conhece o público através de sua execução oral, pois o homem de cultura tradicional tem contato com o escrito para torná-lo oral Os sahelianos mantêm o contato com os seus poetas através de seus cantores que o guardam na memória e o recitam em público. Palavras chaves: Poesia, Senegalesa, Memória, Oralidade. Resumen La literatura africana moderna, la literatura de expresión francesa, inglesa, portuguesa, se ha preocupado muy poco de la literatura africana en alfabeto árabe.
Se olvida a menu...





Documentos relacionados