Editorial: internacionalização dos periódicos nacionais Reportar como inadecuado




Editorial: internacionalização dos periódicos nacionais - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

RAERevista de Administração de Empresas 2011, 51 4

Autor: Eduardo Diniz

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



RAE - Revista de Administração de Empresas ISSN: 0034-7590 rae@fgv.br Fundação Getulio Vargas Brasil Diniz, Eduardo Editorial: internacionalização dos periódicos nacionais RAE - Revista de Administração de Empresas, vol.
51, núm.
4, julio-agosto, 2011, p.
315 Fundação Getulio Vargas São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=155119314001 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto EDITORIAL INTERNACIONALIZAÇÃO DOS PERIÓDICOS NACIONAIS E nquanto os programas de pós-graduação pressionam seus professores para publicarem “internacionalmente”, os periódicos nacionais também trabalham para se tornarem cada vez mais internacionais, e assim serem também colocados como prioritários para nossos autores.
Ou seja, para sermos reconhecidos como relevantes para os autores brasileiros, temos que procurar também ser relevantes para autores estrangeiros. Não é uma tarefa fácil.
Além de falarmos português, e não podermos simplesmente abrir mão desse nosso privilégio, temos que buscar presença em indexadores internacionais relevantes, atrair autores estrangeiros para fazer parte de nossos comitês científicos, fazer chamadas de trabalho internacionais e umas tantas outras tarefas nada simples de executar, embora óbvias de planejar.
Uma ação muito importante é a abertura para publicação multilíngue, além da divulgação de todas as informações do periódico nas mesmas línguas em que se espera receber submissões, incorporando todos os custos de tradução e revisão necessários. No caso da RAE, desde que disponibilizamos no segundo semestre de 2009 nosso sistema de publicação também em inglês e espanhol, já pudemos sentir o efeito da elevação do número de ...





Documentos relacionados