Green supply chain: protagonista ou coadjuvante no brasil? Reportar como inadecuado




Green supply chain: protagonista ou coadjuvante no brasil? - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

LUIS FELIPE MACHADO DO NASCIMENTO ;RAERevista de Administração de Empresas 2014, 54 5

Autor: ANA PAULA FERREIRA ALVES

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



RAE - Revista de Administração de Empresas ISSN: 0034-7590 rae@fgv.br Fundação Getulio Vargas Brasil FERREIRA ALVES, ANA PAULA; MACHADO DO NASCIMENTO, LUIS FELIPE GREEN SUPPLY CHAIN: PROTAGONISTA OU COADJUVANTE NO BRASIL? RAE - Revista de Administração de Empresas, vol.
54, núm.
5, septiembre-octubre, 2014, pp.
510-520 Fundação Getulio Vargas São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=155131802004 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 510 RAE-Revista de Administração de Empresas | FGV-EAESP FÓRUM Submetido em 29.11.2013.
Aprovado em 05.06.2014 Avaliado pelo sistema double blind review.
Editores Científicos: Maria Tereza Saraiva de Souza, Orlando Cattini Junior e José Carlos Barbieri http:--dx.doi.org-10.1590-S0034-759020140505 GREEN SUPPLY CHAIN: PROTAGONISTA OU COADJUVANTE NO BRASIL? Green Supply Chain: a protagonist or a supporting role in Brazil? Green Supply Chain: ¿protagonista o coadyuvante en Brasil? RESUMO Questões ambientais passaram a ser introduzidas com maior frequência nos negócios empresariais. Quanto à cadeia de suprimentos, Green Supply Chain Management (GSCM) surge como novo enfoque à responsabilidade das empresas com o meio ambiente.
Este artigo objetiva analisar a difusão do conceito e das práticas de GSCM no cenário brasileiro.
Para tanto, foram realizadas entrevistas com especialistas do tema cadeia de suprimentos na área de Administração no Brasil.
Os resultados indicam que as razões para o lento desenvolvimento do conceito podem relacionar-se com características do mercado nacional, foco empresarial em aspectos internos, falta de legislação rígida e baixa pressão dos consumidores.
Especialistas percebem, entretanto, boas perspecti...





Documentos relacionados