Trabalhadores em saúde mental: contradições e desafios no contexto da reforma psiquiátrica Reportar como inadecuado




Trabalhadores em saúde mental: contradições e desafios no contexto da reforma psiquiátrica - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Antônio Miguel Bañon Hernández ; Luciane Prado Kantorski ;Escola Anna Nery Revista de Enfermagem 2010, 14 (2)

Autor: Leandro Barbosa de Pinho

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Escola Anna Nery Revista de Enfermagem ISSN: 1414-8145 annaneryrevista@gmail.com Universidade Federal do Rio de Janeiro Brasil Barbosa de Pinho, Leandro; Bañon Hernández, Antônio Miguel; Prado Kantorski, Luciane TRABALHADORES EM SAÚDE MENTAL: CONTRADIÇÕES E DESAFIOS NO CONTEXTO DA REFORMA PSIQUIÁTRICA Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, vol.
14, núm.
2, abril-junio, 2010, pp.
260-267 Universidade Federal do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=127713099008 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Trabalhadores de sáude mental:contradições e desafios Pinho LB, Hernández AMB,Kantorski LP PESQUISA Esc Anna Anna Nery Nery Rev Rev Enferm Enferm 2010 2010 abr-jun; abr-jun; 14 14 (2): (2): 260-267 260-267 Esc RESEARCH - INVESTIGACIÓN TRABALHADORES EM SAÚDE MENTAL: CONTRADIÇÕES E DESAFIOS NO CONTEXTO DA REFORMA PSIQUIÁTRICAa Mental health workers’: contradictions and challenges in the psychiatric reform context Trabajadores del área de salud mental: contradicciones y desafíos en el contexto de la reforma psiquiátrica Leandro Barbosa de Pinho1 Antônio Miguel Bañon Hernández 2 Luciane Prado Kantorski3 RESUMO Este estudo analisa o discurso de trabalhadores, apontando caminhos, dúvidas e incertezas que rondam a constituição da equipe de um serviço comunitário de saúde mental.
O corpus é composto por entrevistas aplicadas no ano de 2006 a 17 dos 25 trabalhadores de saúde mental que trabalham em um serviço substitutivo de uma cidade da Região Sul do Brasil.
O dispositivo metodológico que subsidia a sistematização dos dados é o “diagrama axiológico-discursivo”, construído a partir dos pressupostos teóricos da Análise Crític...





Documentos relacionados