O dilema turístico Reportar como inadecuado




O dilema turístico - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Luis Augusto S. Soares ;Caderno Virtual de Turismo 2006, 6 (4)

Autor: Alan Faber do Nascimento

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Caderno Virtual de Turismo E-ISSN: 1677-6976 caderno@ivt-rj.net Universidade Federal do Rio de Janeiro Brasil Faber do Nascimento, Alan; Soares, Luis Augusto S. O Dilema Turístico Caderno Virtual de Turismo, vol.
6, núm.
4, 2006, pp.
10-16 Universidade Federal do Rio de Janeiro Río de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=115416210002 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto RNO VIRT E D Caderno Virtual de Turismo ISSN: 1677-6976 Vol.
6, N° 4 (2006) SMO RI L DE TU UA CA O Dilema Turístico Alan Faber do Nascimento (castifaber@hotmail.com) e Luis Augusto S.
Soares* Resumo O emprego é atualmente tema comum em muitos fóruns, simpósios, palestras, que sempre debatem sobre a questão de um mundo -sem emprego-, competitivo e moldado pela flexibilidade dos processos de produção.
Muitas vezes, o debate gira em torno de que existe uma ampla capacidade de consumo, apesar da recessão e do desemprego, que pode ser explorada por atividades como o Turismo.
Assim, a indústria do turismo é apresentada com grande euforia para a população e o poder público como meio inequívoco de crescimento econômico e dissolução das desigualdades.
Porém, para contestar tais pronunciações, apresentamos neste artigo dois grupos de argumentações.
O primeiro diz respeito ao ideário do turismo brasileiro, com destaque para atuação da Embratur que desde sua criação, na década de 1960, privilegia ações voltadas para o turismo receptivo internacional que acabam enfraquecendo a própria economia das regiões turísticas, bem como aprofundando as desigualdades entre as regiões do país.
Já o segundo grupo de argumentações problematiza as contradições que se encerram no próprio desenvol...





Documentos relacionados