Turismo: impactos nos aspectos geomorfológicos da área de proteção ambiental presidente figueiredo caverna do maroaga - am Reportar como inadecuado




Turismo: impactos nos aspectos geomorfológicos da área de proteção ambiental presidente figueiredo caverna do maroaga - am - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

José Duarte Alecrim ;Caderno Virtual de Turismo 2006, 6 (2)

Autor: Eloisa Mendonça Gadelha

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Caderno Virtual de Turismo E-ISSN: 1677-6976 caderno@ivt-rj.net Universidade Federal do Rio de Janeiro Brasil Mendonça Gadelha, Eloisa; Duarte Alecrim, José Turismo: impactos nos aspectos geomorfológicos da área de proteção ambiental Presidente Figueiredo Caverna do Maroaga - AM Caderno Virtual de Turismo, vol.
6, núm.
2, 2006, pp.
19-24 Universidade Federal do Rio de Janeiro Río de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=115416203003 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto RNO VIRT E D Caderno Virtual de Turismo ISSN: 1677-6976 Vol.
6, N° 2 (2006) SMO RI L DE TU UA CA Eloisa Mendonça Gadelha (espfc@msn.com)* e José Duarte Alecrim (jalecrim@ufam.edu.br)** Resumo A Área de Proteção Ambiental Presidente Figueiredo Caverna do Maroaga, situada no município de Presidente Figueiredo, estado do Amazonas, é uma unidade de conservação estadual de uso direto, reconhecida por seus singulares aspectos geomorfológicos, como sistemas espeleológicos e quedas d´água.
Devido a estes atributos, o turismo se faz presente. A área foi criada há mais de quinze anos e ainda não dispõe de um plano de manejo.
O presente trabalho analisou a prática do turismo; as alterações nos aspectos geomorfológicos decorrentes desta atividade.
Infra-estrutura e intensidade de uso público foram os indicadores selecionados para a análise nos atrativos naturais caverna Refúgio do Maroaga, Cachoeiras do Santuário e da Porteira, onde o turismo foi caracterizado como predatório.
As alterações significantes encontradas foram dispersão de resíduos, inscrições em afloramentos rochosos e retirada da cobertura vegetal, o que provoca erosões e assoreamento. Palavras-chave: Área de Proteçã...





Documentos relacionados