Expectativas e sentimentos de mães solteiras sobre a experiência do parto Reportar como inadecuado




Expectativas e sentimentos de mães solteiras sobre a experiência do parto - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Tagma Marina Schneider Donelli ; Rita de Cássia Sobreira Lopes ; Cesar Augusto Piccinini ;Aletheia 2009, (29)

Autor: Angela Helena Marin

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Aletheia ISSN: 1413-0394 mscarlotto@ulbra.br Universidade Luterana do Brasil Brasil Marin, Angela Helena; Schneider Donelli, Tagma Marina; Cássia Sobreira Lopes, Rita de; Piccinini, Cesar Augusto Expectativas e sentimentos de mães solteiras sobre a experiência do parto Aletheia, núm.
29, enero-junio, 2009, pp.
57-72 Universidade Luterana do Brasil Canoas, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=115012533006 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Aletheia 29, p.57-72, jan.-jun.
2009 Expectativas e sentimentos de mães solteiras sobre a experiência do parto Angela Helena Marin Tagma Marina Schneider Donelli Rita de Cássia Sobreira Lopes Cesar Augusto Piccinini Resumo: O presente estudo teve como objetivo investigar as expectativas de gestantes solteiras sobre o parto e, num segundo momento, os sentimentos destas mulheres quanto à experiência vivida. Participaram sete gestantes solteiras que responderam a uma entrevista sobre a gestação e, após o nascimento do bebê, outra entrevista sobre o parto e a experiência da maternidade.
Análise de conteúdo qualitativa das entrevistas mostrou que, durante a gestação, apareceram muitas expectativas negativas sobre o parto, por vezes abrandadas pelos grupos de gestantes.
Após o parto, foram citados sentimentos negativos em relação à experiência, destacando a diÞculdade do parto, mas também, os sentimentos de satisfação pela não-conÞrmação das expectativas negativas alimentadas durante a gestação.
O fato de ser solteira não apareceu como um fator necessariamente associado à experiência negativa do parto.
Destaca-se que o apoio recebido pela parturiente pareceu ser mais importante do que quem prestou tal apoio. Palavras-chave: ge...





Documentos relacionados