Diferenças fisiológicas entre genótipos de milho doce (su-1) e milho comum durante o desenvolvimento Reportar como inadecuado




Diferenças fisiológicas entre genótipos de milho doce (su-1) e milho comum durante o desenvolvimento - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Ricardo Enrique Bressan SMITH ; Fabrício Oliveira REIS ; Eliemar CAMPOSTRINI ; Messias Gonzaga PEREIRA ;Scientia Agraria 2007, 8 (4)

Autor: Luiz Fernando Ganassali de OLIVEIRA JÚNIOR

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Scientia Agraria ISSN: 1519-1125 sciagr@ufpr.br Universidade Federal do Paraná Brasil Ganassali de OLIVEIRA JÚNIOR, Luiz Fernando; Bressan SMITH, Ricardo Enrique; Oliveira REIS, Fabrício; CAMPOSTRINI, Eliemar; Gonzaga PEREIRA, Messias DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE GENÓTIPOS DE MILHO DOCE (su-1) E MILHO COMUM DURANTE O DESENVOLVIMENTO Scientia Agraria, vol.
8, núm.
4, 2007, pp.
351-356 Universidade Federal do Paraná Paraná, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=99516262001 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto OLIVEIRA JÚNIOR, L.F.G.
et al.
Diferenças fisiológicas entre genótipos. DIFERENÇAS FISIOLÓGICAS ENTRE GENÓTIPOS DE MILHO DOCE (su-1) E MILHO COMUM DURANTE O DESENVOLVIMENTO PHYSIOLOGICAL DIFFERENCES BETWEEN SWEET CORN (SU-1) AND MAIZE DURING THE DEVELOPMENT Luiz Fernando Ganassali de OLIVEIRA JÚNIOR1 Ricardo Enrique Bressan SMITH2 Fabrício Oliveira REIS3 Eliemar CAMPOSTRINI4 Messias Gonzaga PEREIRA4 RESUMO Com o objetivo de verificar a influência de parâmetros fisiológicos das plantas de milho doce (H43IN) e milho comum (UENF506-8), nos períodos de desenvolvimento, nos teores de carboidratos e na produtividade desta espécie, foram conduzidos experimentos sob condições de campo, no Colégio Agrícola Antonio Sarlo, em Campos dos Goytacazes-RJ.
Os experimentos foram instalados nos meses de setembro a janeiro de 2004.
Os parametros fisiológicos foram estudados em quatro períodos: período III de crescimento vegetativo, V e VII reprodutivo e IX senescência da planta.
Os parâmetros fisiológicos (taxa fotossintética líquida, déficit de pressão de vapor entre a folha e o ar e condutância estomática), observados, nas diferentes fases fenológicas, demonstrara...





Documentos relacionados