Gestão estratégica do conhecimento baseada na construção de protocolos médico-assistenciais: o compartilhamento de idéias entre parcerias estratégicas como vantagem competitiva Reportar como inadecuado




Gestão estratégica do conhecimento baseada na construção de protocolos médico-assistenciais: o compartilhamento de idéias entre parcerias estratégicas como vantagem competitiva - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Cláudio Reis Gonçalo ;RAIRevista de Administração e Inovação 2007, 4 (1)

Autor: Jacques Édison Jacques

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



RAI - Revista de Administração e Inovação ISSN: 1809-2039 campanario@uninove.br Universidade de São Paulo Brasil Édison Jacques, Jacques; Reis Gonçalo, Cláudio GESTÃO ESTRATÉGICA DO CONHECIMENTO BASEADA NA CONSTRUÇÃO DE PROTOCOLOS MÉDICO-ASSISTENCIAIS: O COMPARTILHAMENTO DE IDÉIAS ENTRE PARCERIAS ESTRATÉGICAS COMO VANTAGEM COMPETITIVA RAI - Revista de Administração e Inovação, vol.
4, núm.
1, 2007, pp.
106-124 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=97317205008 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 106 GESTÃO ESTRATÉGICA DO CONHECIMENTO BASEADA NA CONSTRUÇÃO DE PROTOCOLOS MÉDICO-ASSISTENCIAIS: O COMPARTILHAMENTO DE IDÉIAS ENTRE PARCERIAS ESTRATÉGICAS COMO VANTAGEM COMPETITIVA Jacques Édison Jacques Mestre em Controladoria – UFRGS Mestre em Administração – UNISINOS Professor Assistente de Graduação em Administração Hospitalar – UNISINOS E-mail: jjacques@unisinos.br [Brasil] Cláudio Reis Gonçalo Doutor em Engenharia de Produção – UFSC E-mail: cgoncalo@unisinos.br [Brasil] Resumo O objetivo do estudo foi analisar o processo estratégico na percepção de gestores médicos de um hospital privado e de lideranças de uma operadora de planos de saúde.
Os protocolos médico-assistenciais foram os núcleos de investigação da pesquisa.
A sustentação do estudo e da análise dos resultados utilizou, principalmente, referenciais teóricos sobre compartilhamento, barreiras à gestão do conhecimento e gestão de parcerias.
A pesquisa foi qualitativa através de entrevistas em profundidade que, anteriormente, apoiaram-se em grupos de foco.
As entrevistas buscaram saber: (1) as barreiras do contexto à gestão do conhecimen...





Documentos relacionados