Teorias da administração pública. Reportar como inadecuado




Teorias da administração pública. - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Érica Aline Ferreira Silva ;RACRevista de Administração Contemporânea 2014, 18 4

Autor: José Roberto Pereira

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



RAC - Revista de Administração Contemporânea ISSN: 1415-6555 rac@anpad.org.br Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração Brasil Pereira, José Roberto; Ferreira Silva, Érica Aline Teorias da Administração Pública. RAC - Revista de Administração Contemporânea, vol.
18, núm.
4, julio-agosto, 2014, pp.
547-549 Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=84031267011 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Disponível em http:--www.anpad.org.br-rac RAC, Rio de Janeiro, v.
18, n.
4 pp.
547-549, Jul.-Ago.
2014 http:--dx.doi.org-10.1590-1982-7849rac20141589 Resenhas Bibliográficas: Teorias da Administração Pública. Robert Denhardt.
São Paulo: Cengage Learning, 2012.
367 p.
ISBN: 8522110816. José Roberto Pereira E-mail: jrobpereira25@yahoo.com.br Universidade Federal de Lavras – PPGAP-UFLA UFLA, Pró-Reitoria de Planejamento e Gestão, Caixa Postal 3037, 37200-000, Lavras, MG, Brasil. Érica Aline Ferreira Silva E-mail: erica_alline@hotmail.com Universidade Federal de Lavras - UFLA UFLA, Pró-Reitoria de Planejamento e Gestão, Caixa Postal 3037, 37200-000, Lavras, MG, Brasil. J.
R.
Pereira, E.
A.
F.
Silva 548 Para Denhardt (2012), as organizações públicas são como um palco de um mundo pessoal, apesar da burocracia que lhes condiciona relações impessoais.
Assim, trabalhar em governos hoje constitui uma oportunidade de participar da solução de problemas públicos e, na análise do autor, em “um lugar muito pessoal” (p.1).
Nesse sentido, Denhardt (2012) levanta as seguintes questões norteadoras do livro: De que modo podemos desenvolver um entendimento melhor e m...





Documentos relacionados