Eficiência do óleo de candeia na melhoria da resistência da madeira de sumaúma a cupins Reportar como inadecuado




Eficiência do óleo de candeia na melhoria da resistência da madeira de sumaúma a cupins - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Clécio Maynard Bastista da Fonsêca ; Carlos Roberto de Lima ; Ademilson Daniel de Souza ;CERNE 2010, 16 2

Autor: Juarez Benigno Paes

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



CERNE ISSN: 0104-7760 cerne@dcf.ufla.br Universidade Federal de Lavras Brasil Benigno Paes, Juarez; Bastista da Fonsêca, Clécio Maynard; de Lima, Carlos Roberto; de Souza, Ademilson Daniel Eficiência do óleo de candeia na melhoria da resistência da madeira de sumaúma a cupins CERNE, vol.
16, núm.
2, abril-junio, 2010, pp.
217-225 Universidade Federal de Lavras Lavras, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=74421665013 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto EFICIÊNCIA DE . CANDEIA NA MELHORIA DA Eficiência do óleo de candeia na melhoriaDO da ÓLEO resistência RESISTÊNCIA DA MADEIRA DE SUMAÚMA A CUPINS 217 Juarez Benigno Paes1, Clécio Maynard Bastista da Fonsêca2, Carlos Roberto de Lima3, Ademilson Daniel de Souza3 (recebido: 15 de maio de 2008; aceito: 31 de março de 2010) RESUMO: Nesta pesquisa, objetivou-se avaliar a eficiência do óleo de candeia (Eremanthus erythropappus (DC.) Macleish.), na melhoria da resistência da madeira de sumaúma (Ceiba pentandra (L.) Gaertn.) ao cupim xilófago Nasutitermes corniger (Motsch.), em ensaios de laboratório.
Utilizaram-se corpos-de-prova com dimensões nominais de 0,7 x 2,0 x 2,5 cm (espessura x largura x comprimento) para o ensaio de alimentação forçada e de 0,7 x 2,0 x 10,2 cm (espessura x largura x comprimento) para o de preferência alimentar.
As amostras foram tratadas pelo processo de imersão a frio e atingiram retenções médias de 10,61; 16,73; 22,04; e 26,94 kg de óleo-m3 de madeira (ensaio de alimentação forçada) e de 38,35; 58,22; 87,53; e 108,36 kg de óleo-m3 de madeira (ensaio de preferência alimentar), e submetidas ao ataque do cupim Nanutitermes corniger, durante 28 e 20 dias para os ensaios de alimentação ...





Documentos relacionados