Políticas de reconhecimento uma novidade das políticas sociais do pt? Reportar como inadecuado




Políticas de reconhecimento uma novidade das políticas sociais do pt? - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

CivitasRevista de Ciências Sociais 2004, 4 2

Autor: Paulo J. Krischke

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Civitas - Revista de Ciências Sociais ISSN: 1519-6089 civitas@pucrs.br Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Brasil Krischke, Paulo J. Políticas de reconhecimento uma novidade das políticas sociais do PT? Civitas - Revista de Ciências Sociais, vol.
4, núm.
2, julho-dezembro, 2004, pp.
337-352 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=74240207 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Políticas de reconhecimento uma novidade das políticas sociais do PT? Paulo J.
Krischke* A eleição de Luis Inácio Lula da Silva para a Presidência do Brasil suscitou, entre os eleitores brasileiros e observadores do mundo inteiro, muitas expectativas no sentido da justiça social e da redistribuição da renda.
No campo internacional (e talvez também entre parte dos seus eleitores brasileiros) a campanha presidencial de Lula parecia prometer (ou ameaçar) um ressurgimento do populismo – como nas experiências do passado, do “modelo Vargas-Goulart”, com suas políticas de confrontação interna e externa, redistributivismo irresponsável e descontrole inflacionário.1 Tanto assim que os dados macro-econômicos, durante como logo após a campanha de Lula, evidenciavam as pressões internacionais, o nervosismo do mercado e o iminente retorno da inflação.
Contudo, essas previsões catastróficas não se confirmaram, tendo passado quase dois anos das eleições. * Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, 1 Brasil.
E-mail: krischke@brturbo.
com Sobre o “ressurgimento do populismo” na América Latina ver Torre (1998) e Knight (1998). Civitas Porto Alegre v.
4 n. 2 j...





Documentos relacionados