O debate teórico em segurança internacional. mudanças frente ao terrorismo? Reportar como inadecuado




O debate teórico em segurança internacional. mudanças frente ao terrorismo? - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

CivitasRevista de Ciências Sociais 2005, 5 2

Autor: Gunther Rudzit

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Civitas - Revista de Ciências Sociais ISSN: 1519-6089 civitas@pucrs.br Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Brasil Rudzit, Gunther O debate teórico em segurança internacional.
Mudanças frente ao terrorismo? Civitas - Revista de Ciências Sociais, vol.
5, núm.
2, julho-dezembro, 2005, pp.
297-323 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=74250205 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto O debate teórico em segurança internacional Mudanças frente ao terrorismo? Gunther Rudzit* Introdução O tema de segurança internacional voltou a ser destaque tanto na mídia, quanto nos trabalhos acadêmicos.
É senso comum que durante os anos da Guerra Fria esse enfoque foi central para as Relações Internacionais (RI), mas, com o desaparecimento desse conflito no final da década de 1980 e início da década de 1990, o enfoque desse campo de pesquisa mudou para a economia.
Os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001 mudaram novamente as percepções, e não se pode restringir essa nova realidade somente aos Estados Unidos. O fim da Guerra Fria deu novo ímpeto à visão, defendida por alguns há muito tempo, de que interesses e desafios econômicos são mais importantes na condução do Estado do que os ligados à área militar.
Nas palavras de Samuel Huntington no começo da década de 1990, no ambiente emergente “as capacidades militares provavelmente serão menos importantes do que elas * Doutor em Ciência Política pela USP; Mestre em National Security pela Georgetown University e em Geografia pela USP; ex-Assessor do Ministro da Defesa (2001-2002); coordenador do curso de Relações Internacionais da Faa...





Documentos relacionados