Atividade física de idosos relacionada ao transporte e lazer, maceió, brasil Reportar como inadecuado




Atividade física de idosos relacionada ao transporte e lazer, maceió, brasil - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Francini Vilela Novais ; Solange Andreoni ; Luiz Roberto Ramos ;Revista de Saúde Pública 2013, 47 6

Autor: Ana Raquel Carvalho Mourão

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista de Saúde Pública ISSN: 0034-8910 revsp@usp.br Universidade de São Paulo Brasil Carvalho Mourão, Ana Raquel; Vilela Novais, Francini; Andreoni, Solange; Ramos, Luiz Roberto Atividade física de idosos relacionada ao transporte e lazer, Maceió, Brasil Revista de Saúde Pública, vol.
47, núm.
6, diciembre, 2013, pp.
1112-1122 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=67240209010 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Rev Saúde Pública 2013;47(6):1112-22 Artigos Originais Ana Raquel de Carvalho MourãoI Atividade física de idosos relacionada ao transporte e lazer, Maceió, Brasil Francini Vilela NovaisI Solange AndreoniII DOI:10.1590-S0034-8910.2013047004904 Luiz Roberto RamosII Physical activity in the older adults related to commuting and leisure, Maceió, Brazil RESUMO OBJETIVO: Analisar o nível de atividade física de idosos nos domínios do transporte e lazer e fatores associados. MÉTODOS: Estudo transversal com amostra populacional de 319 idosos em Maceió, AL, em 2009.
O nível de atividade física relacionada ao transporte e ao lazer foi mensurado com aplicação do Questionário Internacional de Atividade Física, versão longa.
As variáveis analisadas foram: idade, escolaridade, sexo, renda per capita e saúde percebida.
Foram utilizadas análise descritiva e de regressão múltipla da razão de prevalência e teste de Fisher. RESULTADOS: Foram classificados insuficientemente ativos no transporte 87,5%, significativamente maior entre idosos com idades mais avançadas, com maior escolaridade e que se consideram insatisfeitos com a saúde física comparada.
A prevalência dos idosos insuficientemente ativos no lazer foi de 76,2%,...





Documentos relacionados