Mortalidade por acidentes de motocicleta no brasil: análise de tendência temporal, 1996-2009 Reportar como inadecuado




Mortalidade por acidentes de motocicleta no brasil: análise de tendência temporal, 1996-2009 - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Antonio Fernando Boing ; Marco Aurélio Peres ;Revista de Saúde Pública 2013, 47 5

Autor: Evandro Tostes Martins

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista de Saúde Pública ISSN: 0034-8910 revsp@usp.br Universidade de São Paulo Brasil Tostes Martins, Evandro; Boing, Antonio Fernando; Peres, Marco Aurélio Mortalidade por acidentes de motocicleta no Brasil: análise de tendência temporal, 19962009 Revista de Saúde Pública, vol.
47, núm.
5, octubre, 2013, pp.
931-941 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=67240208012 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Rev Saúde Pública 2013;47(5):931-41 Artigos Originais Evandro Tostes MartinsI Mortalidade por acidentes de motocicleta no Brasil: análise de tendência temporal, 1996-2009 Antonio Fernando BoingI Marco Aurélio PeresI,II DOI:10.1590-S0034-8910.2013047004227 Motorcycle accident mortality time trends in Brazil, 1996-2009 RESUMO OBJETIVO: Analisar a tendência da mortalidade por acidentes de motocicleta no Brasil. MÉTODOS: Estudo descritivo de séries temporais sobre a taxa de mortalidade de acidentes de motocicleta no Brasil, segundo unidades federativas e faixas etárias entre 1996 e 2009.
Os dados de óbitos foram obtidos no Sistema de Informação sobre Mortalidade do Ministério da Saúde e da população no Instituto Brasileiro de Geografia Estatística.
Taxas de mortalidade padronizadas foram calculadas no período para o Brasil como um todo e Unidades Federativas. Variações anuais das taxas de mortalidade foram estimadas pelo método de Prais-Winsten de regressão linear. RESULTADOS: A taxa de mortalidade por acidentes de motocicleta aumentou de 0,5 para 4,5-100.000 habitantes de 1996 a 2009 (aumento de 800% no período e 19% ao ano).
Estados com maiores taxas em 2009 foram: Piauí, Tocantins, Sergipe e Mato Grosso.
As maiores tax...





Documentos relacionados