Erupção dentária: estudo de suas manifestações clínicas na primeira infância segundo cuidadores e médicos pediatras Reportar como inadecuado




Erupção dentária: estudo de suas manifestações clínicas na primeira infância segundo cuidadores e médicos pediatras - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Anna Galganny-Almeida ;Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada 2006, 6 2

Autor: Melissa Cabral de Queiroz Simeão

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada ISSN: 1519-0501 apesb@terra.com.br Universidade Federal da Paraíba Brasil Cabral de Queiroz Simeão, Melissa; Galganny-Almeida, Anna Erupção Dentária: Estudo de suas Manifestações Clínicas na Primeira Infância Segundo Cuidadores e Médicos Pediatras Pesquisa Brasileira em Odontopediatria e Clínica Integrada, vol.
6, núm.
2, maio-setembro, 2006, pp. 173-180 Universidade Federal da Paraíba Paraíba, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=63760211 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Melissa Cabral de Queiroz SIMEÃO* Anna GALGANNY-ALMEIDA** Objetivo: Pretendeu-se conhecer como essas alterações manifestam-se, quais sintomas e sinais estão relacionados à erupção e com que freqüência e intensidade surgem.
Método: Foram realizados interrogatórios com 100 pais ou responsáveis de crianças de 6 meses a 5 anos de idade e com 100 médicos pediatras, na cidade de Fortaleza.
Foram pesquisados a presença de sinais e sintomas durante a erupção dentária, quais são os mais encontrados, os métodos de tratamento utilizados e aspectos relacionados à qualidade de informações recebidas pelas mães.
Resultados: Dos 49 pediatras que responderam ao questionário, 93,9% relataram observar alterações clínicas em seus pacientes durante a erupção dentária.
Entre as 74 mães que responderam ao questionário, 75,7% relataram alterações na saúde de seus filhos durante a erupção dentária.
As manifestações mais citadas foram, em ordem decrescente de freqüência, irritabilidade, hábito de levar a mão à boca, sialorréia, anorexia, febre, sono inquieto e diarréia.
A maioria das mães relatou procurar o médico quando sur...





Documentos relacionados