Humanização da assistência hospitalar e o cuidado como categoria reconstrutiva Reportar como inadecuado




Humanização da assistência hospitalar e o cuidado como categoria reconstrutiva - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Ciência & Saúde Coletiva 2004, 9 1

Autor: José Ricardo de C. M. Ayres

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Ciência & Saúde Coletiva ISSN: 1413-8123 cecilia@claves.fiocruz.br Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva Brasil Ayres, José Ricardo de C.
M. Humanização da assistência hospitalar e o cuidado como categoria reconstrutiva Ciência & Saúde Coletiva, vol.
9, núm.
1, 2004, pp.
15-29 Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=63013499024 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 1 José Ricardo de C.
M.
Ayres 1 É com enorme satisfação que participo do debate sobre o artigo de Suely Deslandes.
São diversas as razões dessa satisfação, mas, sem sombra de dúvida, a principal delas é a própria existência do debate.
Com efeito, apesar de me considerar um otimista convicto, não tinha muitas esperanças de chegar a ver publicado num periódico acadêmico da maior credibilidade um artigo cuja temática central fosse a questão da humanização da assistência e, melhor ainda, que este trabalho tomasse como substrato de suas análises documentos oficiais, com reflexões e proposições do Ministério da Saúde sobre o assunto.
Achava que isso seria uma conquista de gerações futuras, mas eis que estamos nós, a mesma geração da Reforma Sanitária (ou quase), discutindo humanização com a mesma dedicação, compromisso e entusiasmo com que vimos discutindo a questão da universalidade e eqüidade na organização do sistema de saúde. Mais que isso, é quase como viver uma utopia a observação de que, entre os diversos sentidos que, como Deslandes demonstra, estão na raiz das proposições de humanização, tenha sido destacada a dimensão da linguagem e da ação comunicativa na abordagem da...





Documentos relacionados