Aspectos sócio-demográficos que influenciam na adesão ao tratamento anti-hipertensivo Reportar como inadecuado




Aspectos sócio-demográficos que influenciam na adesão ao tratamento anti-hipertensivo - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Jacira dos Santos Oliveira ;Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste 2009, 10 3

Autor: Rafaella Felix Serafim Veras

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=324027967016


Introducción



Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste ISSN: 1517-3852 rene@ufc.br Universidade Federal do Ceará Brasil Serafim Veras, Rafaella Felix; dos Santos Oliveira, Jacira ASPECTOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS QUE INFLUENCIAM NA ADESÃO AO TRATAMENTO ANTIHIPERTENSIVO Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste, vol.
10, núm.
3, julio-septiembre, 2009, pp.
132-138 Universidade Federal do Ceará Fortaleza, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=324027967016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Artigos Originais ASPECTOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS QUE INFLUENCIAM NA ADESÃO AO TRATAMENTO ANTI-HIPERTENSIVO SOCIO-DEMOGRAPHIC ASPECTS THAT INFLUENCE THE DECISION OF TAKING UP ANTIHYPERTENSIVE TREATMENT ASPECTOS SOCIAL-DEMOGRÁFICOS QUE INFLUYEN EN LA ADHESIÓN AL TRATAMIENTO CONTRA HIPERTENSIÓN Rafaella Felix Serafim Veras1 Jacira dos Santos Oliveira2 A Hipertensão Arterial Sistêmica é uma doença crônica que gera várias complicações cardiovasculares graves e alteram o funcionamento de órgãos importantes como rins, cérebro e olhos.
A ocorrência da hipertensão assim como a adesão ao tratamento anti-hipertensivo são influenciados pelos fatores sócio-demográficos.
O presente estudo tem como objetivos descrever os achados das variáveis sócio-demográficas dos hipertensos atendidos numa Unidade Básica de Saúde da Família do bairro São José I e compará-los com os achados da Unidade de Nova Esperança e Cidade Verde IV.
Grande parte dos resultados obtidos concordou com os das outras pesquisas havendo diferenças referentes ao nível de escolaridade.
As informações obtidas mostram-se de vital importância para a equipe de saúde da família por facilitarem a elaboração de estratégias de prevenção p...





Documentos relacionados