Causas evitáveis na lista de espera para internação em unidades de terapia intensiva Reportar como inadecuado




Causas evitáveis na lista de espera para internação em unidades de terapia intensiva - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Marielle Priscila de Paula Silva ; Cássia Kely Favoreto Costa ; Marcelo Picinin Bernuci ; Mirian Ueda Yamaguchi ;Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste 2016, 17 1

Autor: Guido Luis Gomes Otto

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=324044160006


Introducción



Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste ISSN: 1517-3852 rene@ufc.br Universidade Federal do Ceará Brasil Gomes Otto, Guido Luis; de Paula Silva, Marielle Priscila; Favoreto Costa, Cássia Kely; Picinin Bernuci, Marcelo; Ueda Yamaguchi, Mirian Causas evitáveis na lista de espera para internação em unidades de terapia intensiva Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste, vol.
17, núm.
1, enero-febrero, 2016, pp. 36-43 Universidade Federal do Ceará Fortaleza, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=324044160006 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto DOI: 10.15253-2175-6783.2016000100006 www.revistarene.ufc.br Artigo Original Causas evitáveis ​​na lista de espera para internação em unidades de terapia intensiva Avoidable causes on the waiting list for admissions to intensive care units Guido Luis Gomes Otto1, Marielle Priscila de Paula Silva1, Cássia Kely Favoreto Costa1, Marcelo Picinin Bernuci1, Mirian Ueda Yamaguchi1 Objetivo: avaliar a ocorrência de causas de mortalidade evitáveis na lista de espera de pacientes nas unidades de terapia intensiva.
Métodos: mil e duzentas e doze inscrições de pacientes de todas as faixas etárias foram analisadas ​​e classificadas de acordo com o Sistema Único de Saúde para as causas de mortalidade evitável. Estatística descritiva para taxas de frequência simples, relativas e médias foi empregada para a análise comparativa das variáveis.
Resultados: casos de doenças não transmissíveis, entre as causas evitáveis de mortalidade, ocupavam mais de 80,0% de leitos da unidade de terapia intensiva.
Internações incluíam doenças dos aparelhos circulatório e respiratório, especialmente em pacientes com mais de 40 anos de idade, junt...





Documentos relacionados