Humanização na saúde: uma análise dos sentidos na óptica do trabalho cotidiano Reportar como inadecuado




Humanização na saúde: uma análise dos sentidos na óptica do trabalho cotidiano - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

GESSI CARVALHO DE ARAÚJO ;Textos & Contextos Porto Alegre 2014, 13 1

Autor: JOSIANE APARECIDA FERREIRA

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=321531779016


Introducción



Textos & Contextos (Porto Alegre) E-ISSN: 1677-9509 textos@pucrs.br Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Brasil APARECIDA FERREIRA, JOSIANE; CARVALHO DE ARAÚJO, GESSI Humanização na Saúde: uma análise dos sentidos na óptica do trabalho cotidiano Textos & Contextos (Porto Alegre), vol.
13, núm.
1, enero-junio, 2014, pp.
199-213 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Porto Alegre, RS, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=321531779016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Humanização na Saúde: uma análise dos sentidos na óptica do trabalho cotidiano Humanizing Health: an analysis of sense from the standpoint of daily work JOSIANE APARECIDA FERREIRA GESSI CARVALHO DE ARAÚJO  RESUMO – O artigo apresenta uma análise qualitativa dos sentidos atribuídos à humanização no cotidiano hospitalar pelos trabalhadores da equipe multidisciplinar de um hospital público na cidade de Palmas-TO. Utilizou-se entrevista semiestruturada para a coleta dos dados.
O tratamento dos dados foi feito pela análise do discurso a partir do pensamento freiriano, centrado nas categorias de humanização e desumanização, subjetividade e objetividade, subjetivismo e objetivismo.
Como síntese dos resultados, dividiu-se a análise em quatro eixos: o primeiro aponta o perfil dos participantes da pesquisa; o segundo, discorre acerca dos sentidos, revelando que a maioria gera um sentido subjetivista afirmando um entendimento reducionista da humanização; o terceiro e quarto eixos, apontam as ações de humanização e o trabalho em equipe e questões sobre a gestão da saúde, em que se verifica que a maioria entende o processo de humanização perpa...





Documentos relacionados