Gênero e tendências contemporâneas: uma análise do seminário internacional -desfazendo gênero- Reportar como inadecuado




Gênero e tendências contemporâneas: uma análise do seminário internacional -desfazendo gênero- - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

RITA DE LOURDES DE LIMA ;Textos & Contextos Porto Alegre 2015, 14 2

Autor: THAYSI CRUZ DA COSTA

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=321543546016


Introducción



Textos & Contextos (Porto Alegre) E-ISSN: 1677-9509 textos@pucrs.br Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Brasil CRUZ DA COSTA, THAYSI; DE LOURDES DE LIMA, RITA Gênero e Tendências Contemporâneas: uma análise do Seminário Internacional “Desfazendo Gênero” Textos & Contextos (Porto Alegre), vol.
14, núm.
2, agosto-diciembre, 2015, pp.
416-429 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=321543546016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto DOI: 10.15448-1677-9509.2015.1.20900 Gênero e Tendências Contemporâneas: uma análise do Seminário Internacional “Desfazendo Gênero” Gender and Contemporary Trends: an analysis of the international seminar “Undoing gender” THAYSI CRUZ DA COSTA RITA DE LOURDES DE LIMA  RESUMO – Este trabalho objetiva analisar como vem se dando, contemporaneamente, a discussão sobre a categoria gênero.
Para tanto, buscou-se fazer uma análise das produções publicadas nos anais do Seminário Internacional Desfazendo Gênero, realizado em 2013 em Natal (RN).
Esse evento objetivou discutir a categoria gênero e, como próprio nome sugere, “desconstruir-desfazer o gênero”.
Ou seja, percebe-se a influência da Teoria Queer na concepção do encontro a partir do próprio título.
O critério estabelecido para a escolha da amostra foi priorizar comunicações orais em que contivesse a palavra “gênero” em seu título, tendo em vista que é o foco da nossa discussão.
Foram analisados 51 trabalhos e verificou-se a predominância de análises ligadas à Teoria Queer.
Nesses estudos, baseados em perspectivas subjetivistas, há, a nosso ver, uma valorizaçã...





Documentos relacionados