Adesão ao tratamento anti-hipertensivo: dificuldades relatadas por indivíduos hipertensos Reportar como inadecuado




Adesão ao tratamento anti-hipertensivo: dificuldades relatadas por indivíduos hipertensos - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Leiko Asakura ;Acta Paulista de Enfermagem 2010, 23 6

Autor: Natalia Negreiros Figueiredo

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=307023868011


Introducción



Acta Paulista de Enfermagem ISSN: 0103-2100 ape@unifesp.br Escola Paulista de Enfermagem Brasil Negreiros Figueiredo, Natalia; Asakura, Leiko Adesão ao tratamento anti-hipertensivo: dificuldades relatadas por indivíduos hipertensos Acta Paulista de Enfermagem, vol.
23, núm.
6, 2010, pp.
782-787 Escola Paulista de Enfermagem São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=307023868011 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Artigo Original Adesão ao tratamento anti-hipertensivo: dificuldades relatadas por indivíduos hipertensos* Adherence to antihypertensive treatment: difficulties reported by hypertensive patients Adhesión al tratamiento de hipertensión: dificultades relatadas por individuos hipertensos Natalia Negreiros Figueiredo1, Leiko Asakura2 RESUMO Objetivos: Caracterizar pacientes hipertensos e conhecer suas principais dificuldades para aderir ao tratamento proposto pela equipe de saúde.
Métodos: Os dados foram coletados em prontuários e por meio de entrevistas com 54 pacientes hipertensos.
Resultados: Dentre os 54 pacientes hipertensos 66,7% eram do sexo feminino, adultos com idade entre 30 e 90 anos.
As médias da pressão arterial (mmHg) sistólica e diastólica foram 138 e 83, respectivamente, mas apenas metade dos pacientes apresentava pressão arterial controlada.
Observou-se associação entre o conhecimento sobre a doença e o seguimento das orientações para o tratamento da hipertensão.
A principal dificuldade relatada foi seguir dieta hipossódica.
Comparando-se as orientações prescritas com aquelas que os pacientes referiram ter recebido, houve concordância em 37 casos.
Conclusão: A comunicação entre os membros da equipe de saúde e os pacientes deve ser me...





Documentos relacionados