Qualidade das anotações de enfermagem relacionadas à ressuscitação cardiopulmonar comparadas ao modelo utstein Reportar como inadecuado




Qualidade das anotações de enfermagem relacionadas à ressuscitação cardiopulmonar comparadas ao modelo utstein - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Cássia Regina Vancini ; Frederico Cohrs ; Rita Simone Lopes Moreira ;Acta Paulista de Enfermagem 2010, 23 6

Autor: Ana Paula Fernandes

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=307023868007


Introducción



Acta Paulista de Enfermagem ISSN: 0103-2100 ape@unifesp.br Escola Paulista de Enfermagem Brasil Fernandes, Ana Paula; Vancini, Cássia Regina; Cohrs, Frederico; Simone Lopes Moreira, Rita Qualidade das anotações de enfermagem relacionadas à ressuscitação cardiopulmonar comparadas ao modelo Utstein Acta Paulista de Enfermagem, vol.
23, núm.
6, 2010, pp.
757-763 Escola Paulista de Enfermagem São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=307023868007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Artigo Original Qualidade das anotações de enfermagem relacionadas à ressuscitação cardiopulmonar comparadas ao modelo Utstein* Quality of nursing records related to cardiopulmonary resuscitation compared to the Utstein model Calidad de las anotaciones de enfermería relacionadas a la resucitación cardiopulmonar comparadas con el modelo Utstein Ana Paula Fernandes1, Cássia Regina Vancini2, Frederico Cohrs3, Rita Simone Lopes Moreira4 RESUMO Objetivo: Analisar a qualidade das anotações de enfermagem relacionadas à ressuscitação cardiopulmonar, comparando-as ao protocolo validado Utstein, em um hospital universitário.
Métodos: Estudo retrospectivo, exploratório, descritivo, de abordagem quantitativa, realizado por meio de consulta a prontuários de pacientes que sofreram parada cardiorrespiratória (PCR) seguida de óbito.
A coleta de dados foi realizada no período de 1º de maio a 30 de junho de 2009.
Resultados: Dos 144 prontuários consultados, 74 foram dispensados por não haver nenhuma informação registrada dos itens a serem estudados e, 70 constituíram a amostra do estudo.
Nestes, não havia anotações referentes à causa imediata da PCR (92%), intervenções realizadas na tentati...





Documentos relacionados