Composição da equipe de enfermagem em unidades de terapia intensiva Reportar como inadecuado




Composição da equipe de enfermagem em unidades de terapia intensiva - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Marli de Carvalho Jericó ; Ângela Silveira Gagliardo Calil ;Acta Paulista de Enfermagem 2011, 24 2

Autor: Marcia Galan Perroca

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=307023871007


Introducción



Acta Paulista de Enfermagem ISSN: 0103-2100 ape@unifesp.br Escola Paulista de Enfermagem Brasil Galan Perroca, Marcia; de Carvalho Jericó, Marli; Silveira Gagliardo Calil, Ângela Composição da equipe de enfermagem em Unidades de Terapia Intensiva Acta Paulista de Enfermagem, vol.
24, núm.
2, 2011, pp.
199-205 Escola Paulista de Enfermagem São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=307023871007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Artigo Original Composição da equipe de enfermagem em Unidades de Terapia Intensiva* Composition of the nursing staff in Intensive Care Units Composición del equipo de enfermería en Unidades de Cuidados Intensivos Marcia Galan Perroca1, Marli de Carvalho Jericó1, Ângela Silveira Gagliardo Calil2 RESUMO Objetivo: Descrever a composição e distribuição da equipe de enfermagem em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).
Método: Estudo descritivo, exploratório, realizado em 17 UTIs de seis instituições hospitalares localizadas na Região Noroeste do Estado de São Paulo. Resultados: Foram encontrados, em média, os seguintes percentuais: 13,1% de enfermeiros, 11,2% técnicos e 75,7% auxiliares de enfermagem. A relação enfermeiro-leito apresentou variação de 0,08 a 0,80 (Md 0,31(0,27;0,41) e a enfermagem-leito de 1,36 a 4,0 (Md 2,45(1,62;2,91). Conclusão: a composição quanti-qualitativa da equipe de enfermagem nas Unidades de Terapia Intensiva investigadas não se encontra em concordância com os valores recomendados pelo Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), no que ser refere a pacientes críticos. Descritores: Administração de recursos humanos; Recursos humanos de enfermagem no hospital; Unidades de terapia intensiva ABSTRACT Objective: T...





Documentos relacionados