Métodos de controle de lepidópteros na cultura do tomateiro lycopersicon esculentum mill. Report as inadecuate




Métodos de controle de lepidópteros na cultura do tomateiro lycopersicon esculentum mill. - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Alexander Machado Auad ; Sérgio do Nascimento Kronka ;Acta Scientiarum. Agronomy 2007, 29 3

Author: Anatoli Lebedenco

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=303026574006


Teaser



Acta Scientiarum.
Agronomy ISSN: 1679-9275 eduem@uem.br Universidade Estadual de Maringá Brasil Lebedenco, Anatoli; Machado Auad, Alexander; do Nascimento Kronka, Sérgio Métodos de controle de lepidópteros na cultura do tomateiro (Lycopersicon esculentum Mill.) Acta Scientiarum.
Agronomy, vol.
29, núm.
3, 2007, pp.
339-344 Universidade Estadual de Maringá Maringá, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=303026574006 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Métodos de controle de le lepidópteros na cultura do tomateiro (Lycopersicon esculentum Mill.) Anatoli Lebedenco1*, Alexander Machado Auad2 e Sérgio do Nascimento Kronka3 1 Programa de Pós-graduação em Agronomia, Universidade do Oeste Paulista, Rua José Bongiovani, 700, 19050-920, Presidente Prudente, São Paulo, Brasil.
2Embrapa Gado de Leite, Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.
3Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, São Paulo, Brasil.
*Autor para correspondência.
E-mail: anatoli@unoeste.br RESUMO.
Foram avaliados 5 métodos de controle das lagartas que atacam a cultura do tomateiro: método convencional de aplicação de produtos fitossanitários; manejo integrado de pragas (MIP) com produtos sintéticos; MIP com o emprego de extrato de Azadirachta indica (Nim) à 5%; ensacamento das pencas de tomate e testemunha.
Os métodos que utilizaram produtos fitossanitários (convencional e MIP) foram eficientes no controle das lagartas do tomateiro e, em conseqüência, promoveram um aumento na produtividade da cultura em 156 e 165% respectivamente, em comparação à testemunha.
O número de pulverizações foi reduzido em até 66,7%, quando se adotou o MIP comparado ao convencional.
O tratamento MIP-Nim foi significativ...





Related documents