Métodos comparativos para recomposição de áreas de mata ciliar avaliados por análise longitudinal Report as inadecuate




Métodos comparativos para recomposição de áreas de mata ciliar avaliados por análise longitudinal - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Miguel Angel Uribe-Opazo ; Lúcia Helena Pereira Nóbrega ; Gislaine Iastiaque Martins ;Acta Scientiarum. Agronomy 2008, 30 1

Author: Alessandra Costa Carrito Bobato

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=303026577013


Teaser



Acta Scientiarum.
Agronomy ISSN: 1679-9275 eduem@uem.br Universidade Estadual de Maringá Brasil Costa Carrito Bobato, Alessandra; Uribe-Opazo, Miguel Angel; Pereira Nóbrega, Lúcia Helena; Iastiaque Martins, Gislaine Métodos comparativos para recomposição de áreas de mata ciliar avaliados por análise longitudinal Acta Scientiarum.
Agronomy, vol.
30, núm.
1, 2008, pp.
89-95 Universidade Estadual de Maringá Maringá, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=303026577013 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Métodos comparativos para recomposição de áreas de mata ciliar avaliados por análise longitudinal Alessandra Costa Carrito Bobato, Miguel Angel Uribe-Opazo*, Lúcia Helena Pereira Nóbrega e Gislaine Iastiaque Martins Departamento de Engenharia Agrícola, Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas, Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Rua Universitária, 2069, 85814-110, Cascavel, Paraná, Brasil.
*Autor para correspondência.
E-mail: mopazo@unioeste.br RESUMO.
Foram avaliados três métodos de distribuição de mudas para recomposição artificial de área de mata ciliar estudando-se a variação do crescimento da estatura e diâmetro durante seis períodos em um ano, das espécies Schinus terbinthifolia Raddi–aroeira e Peltophorum dubium Taub–canafístula.
Os métodos estudados foram: mudas distribuídas ao acaso em espaçamento de 2 x 2 m; mudas distribuídas individualmente ao acaso; mudas distribuídas ao acaso em agrupamento três a três, com espaçamento de 1 a 1,5 m.
O crescimento da estatura e do diâmetro das espécies estudadas está diretamente relacionado com os períodos em estudo, o tratamento de recomposição e as espécies.
O tratamento mudas distribuíd...





Related documents