Reflexões sobre a construção da parentalidade e o uso de estratégias educativas em famílias de baixo nível socioeconômico Reportar como inadecuado




Reflexões sobre a construção da parentalidade e o uso de estratégias educativas em famílias de baixo nível socioeconômico - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Adriana Wagner ;Psicologia em Estudo 2006, 11 1

Autor: Laura Alonso de Bem

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=287122090008


Introducción



Psicologia em Estudo ISSN: 1413-7372 revpsi@uem.br Universidade Estadual de Maringá Brasil de Bem, Laura Alonso; Wagner, Adriana Reflexões sobre a construção da parentalidade e o uso de estratégias educativas em famílias de baixo nível socioeconômico Psicologia em Estudo, vol.
11, núm.
1, enero-abril, 2006, pp.
63-71 Universidade Estadual de Maringá Maringá, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=287122090008 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto REFLEXÕES SOBRE A CONSTRUÇÃO DA PARENTALIDADE E O USO DE ESTRATÉGIAS EDUCATIVAS EM FAMÍLIAS DE BAIXO NÍVEL SOCIOECONÔMICO1 Laura Alonso de Bem* Adriana Wagner# RESUMO.
Este artigo apresenta uma revisão da literatura sobre questões relativas à parentalidade à luz da Teoria EcológicoSistêmica, objetivando descrever alguns dos fatores que estão envolvidos no processo de escolha das estratégias educativas utilizadas por pais e mães de famílias de baixo nível socioeconômico.
Identificamos os conceitos de valores, metas e práticas educativas e descrevemos as interconexões destes a partir de pesquisas empíricas que discutem as variáveis a serem consideradas no processo educativo.
Partimos da premissa de que a forma de pensar e a forma de promover o desenvolvimento e a educação das crianças são construídas na relação com o contexto socioeconômico-cultural no qual as famílias estão inseridas.
Concluímos que é fundamental podermos pensar nas idiossincrasias do meio em que vivem as famílias de camadas populares, pois elas refletem e são refletidas nos padrões de interação que se estabelecem entre os seus membros. Palavras-chave: famílias de baixo nível socioeconômico, parentalidade, práticas educativas. REFLEX...





Documentos relacionados