Análise prospectiva de risco do processo de administração de medicamentos anti-infecciosos Reportar como inadecuado




Análise prospectiva de risco do processo de administração de medicamentos anti-infecciosos - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Silvia Helena de Bortoli Cassiani ;Revista Latino-Americana de Enfermagem 2013, 21

Autor: Ana Elisa Bauer de Camargo Silva

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=281425764029


Introducción



Revista Latino-Americana de Enfermagem ISSN: 0104-1169 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil Bauer de Camargo Silva, Ana Elisa; de Bortoli Cassiani, Silvia Helena Análise prospectiva de risco do processo de administração de medicamentos anti-infecciosos Revista Latino-Americana de Enfermagem, vol.
21, enero-febrero, 2013, pp.
1-9 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=281425764029 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Rev.
Latino-Am.
Enfermagem Artigo Original 21(Spec):[09 telas] jan.-fev.
2013 www.eerp.usp.br-rlae Análise prospectiva de risco do processo de administração de medicamentos anti-infecciosos1 Ana Elisa Bauer de Camargo Silva2 Silvia Helena de Bortoli Cassiani3 Objetivo: este estudo teve o objetivo de analisar os riscos potenciais do processo de administração de medicamentos anti-infecciosos, por via intravenosa, de uma unidade de clínica médica, utilizando o método de análise do modo e efeito da falha.
Método: de natureza exploratória, foi realizado na clínica médica de um hospital do Estado de Goiás.
Para a coleta dos dados, foi constituída uma equipe composta por seis profissionais envolvidos na terapêutica medicamentosa: médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, farmacêutico e os gerentes de enfermagem e de risco.
Foram realizadas 24 reuniões, totalizando 56 horas.
Todos os dados foram transcritos para um banco eletrônico, no programa Microsoft Excel® e analisados no software Xfmea4.
Resultados: os resultados indicaram 52 modos da falha, 79 efeitos da falha e 285 causas da falha.
As causas estavam relacionadas à gestão dos processos organizacionais, recursos humanos, estrutura física e material.
F...





Documentos relacionados