Cirurgia segura em pediatria: aplicação na prática do checklist pediátrico para cirurgia segura Reportar como inadecuado




Cirurgia segura em pediatria: aplicação na prática do checklist pediátrico para cirurgia segura - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Mavilde L.
G.
Pedreira ; Maria Angélica Sorgini Peterlini ;Revista Latino-Americana de Enfermagem 2015, 23 6

Autor: Maria Paula de Oliveira Pires

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=281442811016


Introducción



Revista Latino-Americana de Enfermagem E-ISSN: 1518-8345 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil de Oliveira Pires, Maria Paula; Pedreira, Mavilde L.
G.; Sorgini Peterlini, Maria Angélica Cirurgia segura em pediatria: aplicação na prática do Checklist Pediátrico para Cirurgia Segura Revista Latino-Americana de Enfermagem, vol.
23, núm.
6, noviembre-diciembre, 2015, pp.
1105-1112 Universidade de São Paulo Ribeirão Preto, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=281442811016 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto 1105 Artigo Original Rev.
Latino-Am.
Enfermagem nov.-dez.
2015;23(6):1105-12 DOI: 10.1590-0104-1169.0553.2655 www.eerp.usp.br-rlae Cirurgia segura em pediatria: aplicação na prática do Checklist Pediátrico para Cirurgia Segura1 Maria Paula de Oliveira Pires2 Mavilde L.
G.
Pedreira3 Maria Angélica Sorgini Peterlini3 Objetivos: avaliar a aplicação na prática do Checklist Pediátrico para Cirurgia Segura no período pré-operatório e verificar a satisfação da família quanto ao uso do material.
Método: estudo exploratório, no qual se visou analisar o uso do checklist por crianças que seriam submetidas a intervenções cirúrgicas, sendo a amostra constituída por 60 crianças pré-escolares a adolescentes e 60 familiares.
As variáveis relacionaram-se à caracterização demográfica, preenchimento do checklist e satisfação dos familiares, sendo avaliadas por meio da análise estatística descritiva e inferencial.
Resultados: a maioria (71,7%) das crianças era do sexo masculino, com mediana de idade de 7,5 anos.
Identificou-se consecução do checklist em 65,3% dos itens, 30,0% não foram preenchidos devido à não execução da equipe e 4,7% por motivos ...





Documentos relacionados