Análise de variáveis que podem interferir no comportamento de seguir regras discrepantes Reportar como inadecuado




Análise de variáveis que podem interferir no comportamento de seguir regras discrepantes - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Laercio de Sousa Silva ; Carla Cristina Paiva Paracampo ;Acta Comportamentalia: Revista Latina de Análisis de Comportamiento 2014, 22 1

Autor: Luiz Carlos de Albuquerque

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=274530012005


Introducción



Acta Comportamentalia: Revista Latina de Análisis de Comportamiento ISSN: 0188-8145 eribes@uv.mx Universidad Veracruzana México de Albuquerque, Luiz Carlos; de Sousa Silva, Laercio; Paiva Paracampo, Carla Cristina Análise de variáveis que podem interferir no comportamento de seguir regras discrepantes Acta Comportamentalia: Revista Latina de Análisis de Comportamiento, vol.
22, núm.
1, 2014, pp.
5171 Universidad Veracruzana Veracruz, México Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=274530012005 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto acta comportamentalia Vol.
22, Núm.
1 pp.
51-71 Análise de variáveis que podem interferir no comportamento de seguir regras discrepantes (Analysis of variables that may interfere with discrepant rule following behavior) Luiz Carlos de Albuquerque*, Laercio de Sousa Silva** & Carla Cristina Paiva Paracampo* Universidade Federal do Pará Instituto de Estudos Superiores da Amazônia (Brasil) * ** Resumo Com o objetivo de investigar o controle por regras, 10 universitários foram expostos a um procedimento de escolha de acordo com o modelo; a tarefa era apontar três estímulos de comparação em uma sequência correta.
Na Sessão 1 nenhuma sequência era reforçada ou instruída.
As contingências da Sessão 2 eram alteradas na Sessão 3, e as contingências da Sessão 3 eram mantidas inalteradas na Sessão 4, iniciada com a regra discrepante.
Os participantes eram solicitados a descrever as contingências durante as sessões e foram distribuídos em dois grupos, que diferiam porque a sequência correta na Sessão 2 era estabelecida por reforço diferencial no Grupo RD e por regra no Grupo IN.
Os participantes que responderam corretamente na Sessão 3 tenderam a deixar...





Documentos relacionados