Centro de fortaleza: os shoppings populares 1992-2007 Report as inadecuate




Centro de fortaleza: os shoppings populares 1992-2007 - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

MercatorRevista de Geografia da UFC 2008, 7 14

Author: Bruna Delfino Cabral

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=273620613019


Teaser



Mercator - Revista de Geografia da UFC E-ISSN: 1984-2201 edantas@ufc.br Universidade Federal do Ceará Brasil Delfino Cabral, Bruna CENTRO DE FORTALEZA: OS SHOPPINGS POPULARES (1992-2007) Mercator - Revista de Geografia da UFC, vol.
7, núm.
14, 2008, p.
185 Universidade Federal do Ceará Fortaleza, Brasil Disponible en: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=273620613019 Cómo citar el artículo Número completo Más información del artículo Página de la revista en redalyc.org Sistema de Información Científica Red de Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal Proyecto académico sin fines de lucro, desarrollado bajo la iniciativa de acceso abierto 185 CENTRO DE FORTALEZA: OS SHOPPINGS POPULARES (1992-2007) Msc.
Bruna Delfino Cabral Mestrado em Geografia-UFC Fortaleza foi, durante muito tempo, uma cidade monocêntrica e acumulou inúmeras funções, inclusive residencial e de lazer, em seu centro.
Esta pesquisa objetiva discutir o redimensionamento do Centro de Fortaleza, tendo como foco principal, os “shoppings” populares, equipamentos contemporâneos de sua paisagem.
Para compreender a instalação desses equipamentos no recorte espacial, inicialmente foi esboçado um estudo sobre o período em que o Centro tradicional (histórico) passou a perder parte de suas funções, até a concretização de novas centralidades, com a multiplicação dos centros de bairros e a incorporação de novas áreas e extensões fragmentadas.
Com o adensamento do Centro da cidade e o gradativo deslocamento de seus habitantes para áreas mais distantes, houve uma perda de parte de sua centralidade, acompanhada por uma seleção das atividades, permanecendo ali as tipicamente comerciais. No desenho atual do Centro observa-se, desde a década de 1990, um fenômeno: a instalação de “shoppings” populares, evidenciando a latente atividade comercial formal.
Diferentemente dos grandes shoppings centers, aqueles são caracterizados por um co...





Related documents