Deus e o diabo na terra: cidades como espaços possíveis das práticas desviantes Report as inadecuate




Deus e o diabo na terra: cidades como espaços possíveis das práticas desviantes - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Maria Geralda de Almeida ;MercatorRevista de Geografia da UFC 2009, 8 17

Author: Avacir Gomes dos Santos

Source: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=273620611009


Teaser



Mercator - Revista de Geografia da UFC E-ISSN: 1984-2201 edantas@ufc.br Universidade Federal do Ceará Brasil Gomes dos Santos, Avacir; Geralda de Almeida, Maria DEUS E O DIABO NA TERRA: cidades como espaços possíveis das práticas desviantes Mercator - Revista de Geografia da UFC, vol.
8, núm.
17, septiembre-diciembre, 2009, pp.
109-121 Universidade Federal do Ceará Fortaleza, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=273620611009 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto DOI: 10.4215-RM2009.0817.0008 DEUS E O DIABO NA TERRA: cidades como espaços possíveis das práticas desviantes Msc.
Avacir Gomes dos Santos Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia do IESA-UFG Rua Área Verde, Q.
55, L 01, Casa 02, Conjunto Itatiaia II, 74.690-460, Goiânia (GO)-Brasil Tel (55 61) 3399.6523 - avagsantos@yahoo.com.br Profª.
Drª.
Maria Geralda de Almeida Bolsista Produtividade CNPq mgdealmeida@gamail.com RESUMO A cidade é o espaço da tese e síntese do capital.
A organização econômica e a configuração espacial são fundantes para funcionalidade, expansão, manutenção e inovação capitalista.
Destarte, a cidade é significada apenas como espaço coisificado do mundo do trabalho.
Porém, o capital formata sua própria antítese, a qual é apresentada no espaço vivido por meio de práticas desviantes.
Práticas e espacialidades desviantes dizem respeito a comportamentos, atitudes, gestos, linguagens e pensamentos que se desviam das lógicas planejadas para comercialização do espaço.
Escrevemos sob a relação entre cidade e práticas desviantes em três puctuns.
Partimos da abordagem cultural para pensar a cidade no interstício dos níveis de produção social do espaço.
Em seguida,...





Related documents