Cooperação como estratégia segundo diferentes perspectivas teóricas Reportar como inadecuado




Cooperação como estratégia segundo diferentes perspectivas teóricas - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Eugênio Ávila Pedrozo ; Vania de Fátima B.
Estivalete ;Revista de Ciências da Administração 2008, 10 21

Autor: Heron S.
M.
Begnis


Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=273520258005


Introducción



Revista de Ciências da Administração ISSN: 1516-3865 rca.cse@contato.ufsc.br Universidade Federal de Santa Catarina Brasil Begnis, Heron S.
M.; Ávila Pedrozo, Eugênio; Estivalete, Vania de Fátima B. COOPERAÇÃO COMO ESTRATÉGIA SEGUNDO DIFERENTES PERSPECTIVAS TEÓRICAS Revista de Ciências da Administração, vol.
10, núm.
21, mayo-agosto, 2008, pp.
97-121 Universidade Federal de Santa Catarina Santa Catarina, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=273520258005 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto COOPERAÇÃO COMO ESTRATÉGIA SEGUNDO DIFERENTES PERSPECTIVAS TEÓRICAS Heron S.
M.
Begnis1 Eugênio Ávila Pedrozo2 Vania de Fátima B.
Estivalete3 Resumo Em um contexto no qual se evidencia a competitividade interorganizacional, este artigo procura identificar os enfoques centrais, os argumentos, as teorias de base e as principais conclusões alcançadas, ao final da década de 90, sobre a temática da cooperação interorganizacional.
O artigo orienta-se com base na revisão de literatura especializada e observa que os trabalhos científicos na área de estratégia, envolvendo cooperação, seguem três enfoques: a relação entre a utilização de estratégias cooperativas com o desempenho das firmas e-ou como fonte de vantagens competitivas; o estudo do processo de formação das configurações interorganizacionais de base cooperativa e a construção de modelos e frameworks enfatizando os aspectos teóricos subjacentes aos relacionamentos interorganizacionais.
Nesse sentido, este artigo também identifica as abordagens teóricas utilizadas nos trabalhos sobre este campo da gestão estratégica e dos relacionamentos interorganizacionais cooperativos. Palavras-chave: Relacionamentos...





Documentos relacionados