Metodologia de custeio para a ergonomia Reportar como inadecuado




Metodologia de custeio para a ergonomia - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Revista Contabilidade & FinançasUSP 2006, 17 42

Autor: José Roberto Dourado Mafra

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Contabilidade & Finanças - USP ISSN: 1519-7077 recont@usp.br Universidade de São Paulo Brasil Dourado Mafra, José Roberto Metodologia de custeio para a ergonomia Revista Contabilidade & Finanças - USP, vol.
17, núm.
42, diciembre, 2006, pp.
77-91 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=257119531007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto METODOLOGIA DE CUSTEIO PARA A ERGONOMIA ERGONOMICS-BASED COSTING METHODOLOGY JOSÉ ROBERTO DOURADO MAFRA Professor Adjunto do Departamento de Contabilidade da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis da Universidade Federal do Rio de Janeiro – RJ E-mail: mafra@facc.ufrj.br RESUMO Uma metodologia de Custeio para Ergonomia é apresentada neste artigo.
Aqui o custeio é construído em paralelo ao processo da Análise de Ergonomia.
Faz-se uma breve revisão da literatura.
Essa metodologia de custeio abrange uma estimativa inicial de custos e a posterior aferição desses custos, decorrentes da ausência de Ergonomia no delineamento das situações em estudo; num outro momento, são feitos os cálculos dos custos das correções, ou investimentos necessários e a avaliação dos benefícios aportados pela nova concepção.
A aplicação dessa metodologia é exemplificada em um estudo de caso de uma cozinha industrial, onde foi realizada uma Análise Ergonômica do Trabalho.
No estudo de caso, a ausência de ergonomia é caracterizada por indicadores econômicos de efetividade na empresa.
Conclui-se que essa metodologia de custeio mostra como problemas no desempenho impactam no negócio, economicamente, caracterizados em saúde, qualidade de vida e produtividade no trabalho. Nesse sentido, acredita-se ter...





Documentos relacionados