Prevalência de diástase dos músculos retoabdominais no puerpério imediato: comparação entre primíparas e multíparas Report as inadecuate




Prevalência de diástase dos músculos retoabdominais no puerpério imediato: comparação entre primíparas e multíparas - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

MD Braga ; NO Bernardes ; SC Andrade ;Revista Brasileira de Fisioterapia 2009, 13 4

Author: MT Rett

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista Brasileira de Fisioterapia ISSN: 1413-3555 rbfisio@ufscar.br Associação Brasileira de Pesquisa e PósGraduação em Fisioterapia Brasil Rett, MT; Braga, MD; Bernardes, NO; Andrade, SC Prevalência de diástase dos músculos retoabdominais no puerpério imediato: comparação entre primíparas e multíparas Revista Brasileira de Fisioterapia, vol.
13, núm.
4, julio-agosto, 2009, pp.
275-280 Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia São Carlos, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=235016470003 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ISSN 1413-3555 Artigo Original Rev Bras Fisioter, São Carlos, v.
13, n.
4, p.
275-80, jul.-ago.
2009 Revista Brasileira de Fisioterapia © Prevalência de diástase dos músculos retoabdominais no puerpério imediato: comparação entre primíparas e multíparas Prevalence of diastasis of the rectus abdominis muscles immediately postpartum: comparison between primiparae and multiparae Rett MT1,2, Braga MD2, Bernardes NO1,2, Andrade SC2 Resumo Objetivos: Verificar a prevalência da diástase dos músculos retoabdominais (DMRA) em primíparas e multíparas no pós-parto vaginal imediato, comparar a DMRA supraumbilical e infraumbilical e correlacioná-las com a idade materna, o índice de massa corporal (IMC), a idade gestacional (IG) e o tempo de trabalho de parto (TTP).
Métodos: Foi realizado um estudo transversal, sendo registradas informações pessoais, antecedentes obstétricos e a DMRA supra e infraumbilical.
Os pontos de medida foram 4,5 cm acima e abaixo da cicatriz umbilical, sendo graduada pelo número de dedos entre as bordas mediais dessa musculatura.
Para cada dedo, foi estimado 1,5 cm.
A DMRA foi considerada pr...





Related documents