Fatores associados ao retorno ao trabalho após um trauma de mão: uma abordagem qualiquantitativa Report as inadecuate




Fatores associados ao retorno ao trabalho após um trauma de mão: uma abordagem qualiquantitativa - Download this document for free, or read online. Document in PDF available to download.

Rosana F. Sampaio ; Iêda M. Figueiredo ; Marisa C. Mancini ;Revista Brasileira de Fisioterapia 2010, 14 2

Author: Lúcia H. A. Cabral

Source: http://www.redalyc.org/


Teaser



Revista Brasileira de Fisioterapia ISSN: 1413-3555 rbfisio@ufscar.br Associação Brasileira de Pesquisa e PósGraduação em Fisioterapia Brasil Cabral, Lúcia H.
A.; Sampaio, Rosana F.; Figueiredo, Iêda M.; Mancini, Marisa C. Fatores associados ao retorno ao trabalho após um trauma de mão: uma abordagem qualiquantitativa Revista Brasileira de Fisioterapia, vol.
14, núm.
2, marzo-abril, 2010, pp.
149-157 Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia São Carlos, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=235016574005 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ISSN 1413-3555 Artigo Original Rev Bras Fisioter, São Carlos, v.
14, n.
2, p.
149-57, mar.-abr.
2010 Revista Brasileira de Fisioterapia © Fatores associados ao retorno ao trabalho após um trauma de mão: uma abordagem qualiquantitativa Factors associated with return to work following a hand injury: a qualitative- quantitative approach Lúcia H.
A.
Cabral1, Rosana F.
Sampaio2, Iêda M.
Figueiredo1, Marisa C.
Mancini3 Resumo Objetivos: Descrever os trabalhadores que retornaram ao trabalho após um trauma de mão e analisar os fatores que se associaram a esse desfecho após três anos da alta da reabilitação.
Métodos: Foi realizado um estudo observacional, de corte transversal, com triangulação dos métodos quantitativo e qualitativo.
A análise quantitativa utilizou um banco de dados com informações sociodemográficas, funcionais e clínicas referentes a 35 indivíduos, classificados em dois grupos (retornou-não retornou ao trabalho). Foi conduzida análise multivariada, utilizando o algoritmo CART (Classification and Regression Tree) para avaliar o valor preditivo de quatro modelos, identificando trabalhad...





Related documents