Para introduzir a questão da pulsão invocante Reportar como inadecuado




Para introduzir a questão da pulsão invocante - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental 2009, 12 2

Autor: Jean-Michel Vives

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental ISSN: 1415-4714 psicopatologiafundamental@uol.com.br Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental Brasil Vives, Jean-Michel Para introduzir a questão da pulsão invocante Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, vol.
12, núm.
2, junio, 2009, pp.
329-341 Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=233016517007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto OBSERVANDO A MEDICINA Rev.
Latinoam.
Psicopat.
Fund., São Paulo, v.
12, n.
2, p.
329-341, junho 2009 Para introduzir a questão da pulsão invocante* Jean-Michel Vives Neste artigo o autor propõe mostrar como o sujeito nasce na relação com a voz do Outro e como a psique se estrutura em torno de um ponto surdo.
Ponto surdo que seria a expressão sonora do recalcamento originário. É a instauração deste ponto surdo que permitiria ao sujeito se inscrever na dinâmica da invocação e desta forma se inscrever na corrida desejante. Palavras-chave: Pulsão invocante, voz, grito, recalcamento originário, ponto surdo * Tradução de Júnia Mitre Haddad; Revisão de Marco Antonio Coutinho Jorge. 329 R E V I S T A L AT I N OA M E R I C A N A DE PSICOPATOLOGIA F U N D A M E N T A L Invocação 330 Os psicanalistas abordam pouco a questão da pulsão “invocante”. Isso pode parecer surpreendente visto que é essencialmente com essa pulsão que eles trabalham no sigilo de seus consultórios.
“Invocante” – ou vociferante, às vezes –: assim a nomeou Lacan, que foi o primeiro a tê-la identificado e isolado como pulsão.
Invocare, em latim, remete ao apelo, ao chamamento.
O...





Documentos relacionados