Práticas de profissionais de psicologia em situações de abuso sexual Reportar como inadecuado




Práticas de profissionais de psicologia em situações de abuso sexual - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Débora Dalbosco Dell’Aglio ;Arquivos Brasileiros de Psicologia 2015, 67 1

Autor: Cátula da Luz Pelisoli

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Arquivos Brasileiros de Psicologia ISSN: 0100-8692 arquivosbrap@psicologia.ufrj.br Universidade Federal do Rio de Janeiro Brasil da Luz Pelisoli, Cátula; Dalbosco Dell’Aglio, Débora Práticas de profissionais de Psicologia em situações de abuso sexual Arquivos Brasileiros de Psicologia, vol.
67, núm.
1, 2015, pp.
51-67 Universidade Federal do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=229039192005 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ARTIGOS Práticas de profissionais de Psicologia em situações de abuso sexuali Cátula da Luz PelisoliI Débora Dalbosco Dell’AglioII Práticas de profissionais de Psicologia em situações de abuso sexual1 RESUMO Este trabalho investigou experiências e práticas de psicólogos em casos de abuso sexual infantil – ASI no Brasil.
Participaram 95 psicólogos (86,3% do sexo feminino) de diferentes regiões do país, selecionados a partir do procedimento Snow Ball.
Os participantes responderam a um questionário biosociodemográfico e profissional elaborado pela equipe de pesquisa em um survey online.
Os resultados indicaram que os psicólogos apresentam formação predominantemente em nível de pós-graduação, se sentem qualificados tanto para atuar na avaliação quanto no atendimento clínico desses casos e se consideram familiarizados com o tema do abuso sexual.
Entretanto, há desconhecimento sobre tópicos específicos relacionados ao abuso sexual, e novos instrumentos ainda são pouco utilizados.
A maior parte desses psicólogos já enviou documentos à Justiça e considera que esses documentos tiveram grande importância para os casos em questão.
Repercussões e possíveis aplicações desses resultados são discutid...





Documentos relacionados