Paradigmas estratégicos de gestão da manufatura: identificação, prescrição e estudo de casos na indústria de calçados Reportar como inadecuado




Paradigmas estratégicos de gestão da manufatura: identificação, prescrição e estudo de casos na indústria de calçados - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Flavio Cesar Faria Fernandes ;Revista de AdministraçãoRAUSP 2007, 42 3

Autor: Moacir Godinho Filho

Fuente: http://www.redalyc.org/


Introducción



Revista de Administração - RAUSP ISSN: 0080-2107 rausp@edu.usp.br Universidade de São Paulo Brasil Godinho Filho, Moacir; Faria Fernandes, Flavio Cesar Paradigmas estratégicos de gestão da manufatura: identificação, prescrição e estudo de casos na indústria de calçados Revista de Administração - RAUSP, vol.
42, núm.
3, julio-septiembre, 2007, pp.
349-362 Universidade de São Paulo São Paulo, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=223417438008 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Paradigmas estratégicos de gestão da manufatura: identificação, prescrição e estudo de casos na indústria de calçados RESUMO Moacir Godinho Filho Flavio Cesar Faria Fernandes Paradigmas Estratégicos de Gestão da Manufatura (PEGEMs) são modelos-padrões estratégicos e integrados de gestão adequados a certas situações do mercado e propõem-se a auxiliar as empresas a alcançarem determinado(s) objetivo(s) de desempenho.
Os PEGEMs tratados neste artigo são: Manufatura em Massa Atual (MMA), Manufatura Enxuta (ME), Manufatura Responsiva (MR), Customização em Massa (CM) e Manufatura Ágil (MA).
Diante dessa diversidade de paradigmas, propõe-se um método para identificar o PEGEM que uma empresa está utilizando e o PEGEM mais adequado para ela.
Além disso, o método proposto também é útil para: avaliar e melhorar o grau de integração entre estratégias e ações na manufatura; mostrar empresas sem foco estratégico; mostrar erros no posicionamento estratégico da empresa; auxiliar empresas a escolher ferramentas, metodologias e tecnologias de acordo com seus objetivos de desempenho.
Tal proposta é ilustrada por meio de sua aplicação em um estudo de múltiplos casos na indústria de...





Documentos relacionados