Michel maffesoli e a cidade partilhada Reportar como inadecuado




Michel maffesoli e a cidade partilhada - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Revista FAMECOS: mídia, cultura e tecnologia 2005, 26

Autor: João Maia

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=495550182009


Introducción



Revista FAMECOS: mídia, cultura e tecnologia ISSN: 1415-0549 revistadafamecos@pucrs.br Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Brasil Maia, João Michel Maffesoli e a cidade partilhada Revista FAMECOS: mídia, cultura e tecnologia, núm.
26, abril, 2005, pp.
77-85 Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=495550182009 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ESPAÇO E SUBJETIVIDADE Michel Maffesoli e a cidade partilhada RESUMO O presente artigo tenta mostrar a importância do olhar social de Michel Maffesoli.
Indicamos algumas de suas contribuições também para as pesquisas acadêmicas, as quais nos ajudam a chegar mais próximo ao objeto estudado.
O pensamento maffesoliniano nos permite ainda outro modo de observar o mundo e as ações a nossa volta.
É basicamente isto que discutimos a seguir. ABSTRACT This paper tries to show the importance of Michel Maffesoli’s social views for academic researches on social communication, for they allow us to see the world from another perspective. PALAVRAS-CHAVE (KEY WORDS) - Socialidade (Sociality) - Pós-Modernidade (Post-modernity) - “Arquitetura Cultural” (Cultural Architecture) João Maia FCS - UERJ FAZ UM BOM TEMPO que Michel Maffesoli nos alerta, em diversas obras, que testemunhamos a “temática do espaço” assumir lugar de destaque em vários setores da sociedade (1979).
Para o autor existe uma sinergia entre “o espaço e a sociabilidade” criando um mundo original pela relação que a pessoa estabelece com o outro.
Este mundo, em permanente formação, é visto pelo autor como um conjunto de referências partilhado entre os homens.
As inter-relações c...





Documentos relacionados