Caracterização mineralógica em minério de tântalo e nióbio de porto grande - ap Reportar como inadecuado




Caracterização mineralógica em minério de tântalo e nióbio de porto grande - ap - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

R. P. SILVA ; L. D. A. S. MEIRA ;HOLOS 2014, 3

Autor: J. P. P. SILVA

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=481547172044


Introducción



HOLOS ISSN: 1518-1634 holos@ifrn.edu.br Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Brasil SILVA, J.
P.
P.; SILVA, R.
P.; MEIRA, L.
D.
A.
S. CARACTERIZAÇÃO MINERALÓGICA EM MINÉRIO DE TÂNTALO E NIÓBIO DE PORTO GRANDE - AP HOLOS, vol.
3, 2014, pp.
378-385 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte Natal, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=481547172044 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto SILVA, SILVA & MEIRA (2014) CARACTERIZAÇÃO MINERALÓGICA EM MINÉRIO DE TÂNTALO E NIÓBIO DE PORTO GRANDE - AP J.
P.
P.
SILVA, R.
P.
SILVA e L.
D.
A.
S.
MEIRA Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá. joao.silva@ifap.edu.br - robertop.silva@hotmail.com - lidia.meira@ifap.edu.br Artigo submetido em novembro-2013 e aceito em junho-2014 DOI: http:--dx.doi.org-10.15628-holos.2014.1835 RESUMO O Este trabalho apresenta resultados do estudo de caracterização mineralógica em duas amostras de minério Tantalita-Columbita.
A metodologia utilizada para a realização deste estudo envolveu a execução de análise granulométrica do material “in natura” na série Tyler de 100#; 150#; 200# e 325# mesh, separação mineral em líquido denso, seguido do estudo químicomineralógico por meio de fluorescência e difração de raios X, visando identificar as fases minerais presentes.
A coleta das amostras foi pontual, realizada na cabeceira da margem de uma drenagem e numa profundidade de 70 cm, onde constituiu a primeira amostra.
Já a segunda amostra foi composta após três sequencias de bateia, constituindo um concentrado de bateia.
As amostras estudadas apresentam diferentes teores de Ta; Ti; Fe; Zr e Nb, a maior...





Documentos relacionados