Trabalho docente na universidade pública: uma reflexão sobre o produtivismo acadêmico na contemporaneidade Reportar como inadecuado




Trabalho docente na universidade pública: uma reflexão sobre o produtivismo acadêmico na contemporaneidade - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Argumentum 2011, 3 1

Autor: Maria Augusta TAVARES

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=475547532017


Introducción



Argumentum E-ISSN: 2176-9575 revistaargumentum@yahoo.com.br Universidade Federal do Espírito Santo Brasil TAVARES, Maria Augusta Trabalho docente na universidade pública: uma reflexão sobre o produtivismo acadêmico na contemporaneidade Argumentum, vol.
3, núm.
1, enero-junio, 2011, pp.
238-250 Universidade Federal do Espírito Santo Vitória, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=475547532017 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ENSAIO Trabalho docente na universidade pública: uma reflexão sobre o produtivismo acadêmico na contemporaneidade* Teacher´s work at public universities: reflections on contemporary academic produtivism Maria Augusta TAVARES** Resumo: Analisa a precarização do trabalho docente, demonstrando que a chave heurística para a apreensão desse fenômeno contemporâneo reside no pensamento liberal, agora sob o invólucro do neoliberalismo.
Critica-se a ideia de capitalismo acadêmico, em cuja perspectiva ‚*.] o reconhecimento do professor é mensurado pela sua capacidade empreendedora *.
‛, e questionam-se os professores por se fecharem no corporativismo, não se dando conta de que tal comportamento, além de mascarar a raiz do problema, contribui para o fortalecimento do individualismo burguês. Palavras-chave: Trabalho.
Precarização.
Liberalismo.
Ensino Superior. A o longo da vida acadêmica, temos nos aproximado das variadas expressões do trabalho contemporâneo − emprego, desemprego, subemprego, trabalho precarizado, trabalho informal.
A necessidade de compreender tais relações nos remeteu ao processo de trabalho em Marx e, por conseguinte, à apreensão da questão social. Essa apropriação da relação traba- lho-questão social tem nos p...





Documentos relacionados